Repositório Digital

A- A A+

Desenvolvimento e validação de métodos analíticos e estudo de estabilidade de etexilato de dabigatrana em cápsulas

.

Desenvolvimento e validação de métodos analíticos e estudo de estabilidade de etexilato de dabigatrana em cápsulas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desenvolvimento e validação de métodos analíticos e estudo de estabilidade de etexilato de dabigatrana em cápsulas
Outro título Development and validation of analytical methods and stability study of dabigatran etexilate in capsules
Autor Bernardi, Raquel Martini
Orientador Bergold, Ana Maria
Co-orientador Froehlich, Pedro Eduardo
Data 2013
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Farmácia. Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas.
Assunto Anticoagulantes
Dabigatrana
Estabilidade
Validação : Métodos de análise de fármacos
[en] Charged aerosol detector
[en] Dabigatran etexilate
[en] Degraded products liquid chromatography
[en] Stability-indicating methods
[en] Validation
Resumo Etexilato de dabigatrana (DAB) é um pró-fármaco da dabigatrana disponível para administração oral. DAB é um inibidor direto da trombina, desenvolvido para prevenção de acidente vascular cerebral e embolia sistêmica em pacientes com fibrilação atrial e para a prevenção de eventos tromboembólicos em pacientes que se submeteram à cirurgia de artroplastia total de joelho e de quadril. Atualmente, não há métodos publicados para a análise qualitativa e quantitativa e estudos de estabilidade de DAB em cápsulas. Portanto, inicialmente, a caracterização da substância química de referência foi realizada por espectrometria de massas (EM), espectroscopia de absorção no infravermelho, espectroscopia de ressonância magnética nuclear de 1H e calorimetria exploratória diferencial. Os métodos por cromatografia em camada delgada, CLAE utilizando detectores UV, CAD e EM foram usados para identificar o fármaco nas cápsulas. Na sequência, foram desenvolvidos métodos empregando a cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) com detector ultravioleta (CLAE-UV) e detector aerossol carregado (CLAECAD) para a quantificação de DAB em cápsulas. Os mesmos foram validados, avaliando-se parâmetros como especificidade, linearidade, precisão, exatidão, robustez e limites de detecção e quantificação. Os métodos foram comparados estatisticamente por ANOVA e nenhuma diferença estatisticamente significante foi encontrada entre os mesmos. O estudo de estabilidade de DAB frente à degradação térmica foi investigado. Através dos métodos por CLAE-UV e CLAE-EM pode-se propor a identidade dos produtos de degradação formados, sem processo de isolamento ou purificação. Adicionalmente, a cinética de degradação do DAB e a citotoxicidade das amostras degradadas também foram estudadas. O estudo de cinética de degradação térmica apresentou cinética de primeira ordem (R2 = 0,9900). Além disso, nenhuma evidência de citotoxicidade in vitro em estudo utilizando células mononucleares humanas foi observada. Desse modo estabeleceram-se procedimentos que podem ser aplicados para aprimorar o controle de qualidade, contribuindo para assegurar a eficácia terapêutica de produtos à base de DAB.
Abstract Dabigatran etexilate (DAB) is an orally available prodrug of dabigatran. DAB is a direct thrombin inhibitor, developed for stroke and systemic embolism prevention in patients with atrial fibrillation and prevention of venous thromboembolic events in patients who have undergone elective total hip replacement or total knee replacement surgery. Currently, there are no methods published for the qualitative and quantitative analysis and stability study of DAB in capsules. Thus, initially, the characterization of the chemical reference substance was performed by mass spectrometry (MS), infrared spectroscopy, 1H nuclear magnetic resonance spectroscopy and differencial scanning calorimetry. The methods by thin-layer chromatography, LC using UV and CAD detector and LC-MS were used to identify the drug in capsule. High performance liquid chromatographic (LC) methods were developed for the assessment of dabigatran etexilate (DAB) in capsules with ultraviolet detector (LC-UV) and charged aerosol detector (LC-CAD). They were validated by evaluating parameters such as specificity, linearity, precision, accuracy, robustness and limits of detection and quantitation. The methods were compared statistically by ANOVA and no statistic difference was found between them. The stability study of DAB under thermal condition was investigated. The degradation products formed were analyzed by LC-UV and LC-MS methods and it’s identify could be suggested, without isolation or purification process. Additionally, the thermal degradation kinetic of DAB and the cytotoxicity of the degraded samples were also studied. The kinetics results could be best described as first-order process (R2 = 0.9900). No evidence of cytotoxicity in human mononuclear cell was observed for drugs degraded samples. So, procedures which can be applied to improve the quality control and contribute to ensure the therapeutic efficacy of products containing DAB.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/95989
Arquivos Descrição Formato
000917513.pdf (1.366Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.