Repositório Digital

A- A A+

Os discursos sobre direitos humanos no espaço escolar : miradas sociológicas sobre as práticas docentes nos anos iniciais

.

Os discursos sobre direitos humanos no espaço escolar : miradas sociológicas sobre as práticas docentes nos anos iniciais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Os discursos sobre direitos humanos no espaço escolar : miradas sociológicas sobre as práticas docentes nos anos iniciais
Autor Flesch, Lúcia
Orientador Hickmann, Roseli Inês
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de Ciências Sociais: Licenciatura.
Assunto Direitos da infância
Direitos humanos
Discursos
Formação docente
Práticas pedagógicas
Resumo O presente trabalho tem por finalidade apresentar a investigação qualitativa realizada, ao longo do segundo semestre de dois mil e treze, junto a uma Escola pública municipal de anos iniciais da Educação Básica, localizada na periferia da cidade de Novo Hamburgo. A pesquisa tinha por objetivo investigar quais discursos circulam no espaço escolar sobre Direitos Humanos nas práticas pedagógicas de professores/as dos anos iniciais da Educação Básica, assim como, se estes discursos apresentam alguma correlação com os discursos que tratam sobre infância(s), a fim de contribuir, a partir do olhar das Ciências Sociais, para com as intervenções pedagógicas. Para realização da investigação foi utilizado como recurso metodológico o estudo de caso etnográfico com o auxílio da observação participante, do questionário e da análise de dados como técnicas de coleta de dados. Os resultados obtidos disseram da fragilidade da presença do tema dos Direitos Humanos na formação docente, nas práticas pedagógicas dos anos iniciais no campo de análise e na relação destes discursos com os discursos que tematizam sobre as infâncias. Ao mesmo tempo, disseram que os discursos sobre DH não estão silenciados. Eles estão sendo vivenciados de forma pontual, podendo ser percebidos, em alguma medida, nas falas das professoras, nos documentos da escola e no planejamento coletivo para o mês da Consciência Negra, que proporcionou momentos de promoção e de reconhecimento da luta por Direitos Humanos. Tais resultados levaram a percepção da necessidade de desenvolver espaços de formação docente, tanto inicial quanto em serviço, que possibilitem a ampliação, articulação e aprofundamento do debate sobre os discursos em circulação sobre DH e direitos da infância. Por fim, tal percepção sinaliza que as Ciências Sociais podem ser vislumbradas como mediadora nesse processo de formação, a fim de contribuir mais efetivamente nas práticas e intervenções pedagógicas.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/96299
Arquivos Descrição Formato
000917559.pdf (2.780Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.