Repositório Digital

A- A A+

Incompatibilidade entre o paradigma atual da construção e princípios de sustentabilidade : proposição de novo paradigma

.

Incompatibilidade entre o paradigma atual da construção e princípios de sustentabilidade : proposição de novo paradigma

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Incompatibilidade entre o paradigma atual da construção e princípios de sustentabilidade : proposição de novo paradigma
Outro título Incompatibility between the present building construction paradigm and sustainability principles : proposition of a new paradigm
Autor Azambuja, Jose Alberto
Orientador Sattler, Miguel Aloysio
Data 2013
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil.
Assunto Construção civil
Indústria da construção
Sustentabilidade
[en] Building construction paradigm
[en] General framework for construction
[en] Sustainability principles
Resumo Introdução: O macrossetor da construção de edificações causa um significativo impacto sobre o ambiente natural. Tal impacto é gerado em três momentos: produção, uso e descarte das edificações. Embora exista uma crescente consciência na indústria de edificações sobre a necessidade de redução desse impacto, os esforços atuais nesse sentido são limitados devido à incompatibilidade entre o paradigma atual, no qual estão baseadas as práticas da indústria, e os princípios de sustentabilidade a serem incorporados àquela prática. Para que a indústria possa avançar, tornando suas práticas ambientalmente mais sustentáveis, um novo paradigma deve ser formulado para servir de referencia à indústria de edificações. Objetivos: O objetivo principal desta tese é demonstrar as incompatibilidades entre o paradigma atual que inspira as práticas da indústria de edificações e os princípios de sustentabilidade. Os objetivos secundários são: definir com clareza os conceitos básicos da construção de edificações; formular uma estrutura conceitual que possa incorporar os conceitos básicos de maneira consistente e integrada; compreender o paradigma atual da construção, bem como os princípios que o regem; formular e propor princípios de sustentabilidade que possam ser utilizados no desenvolvimento de soluções tecnológicas para as edificações; elaborar as características essenciais de um novo paradigma, compatível com os princípios de sustentabilidade propostos; definir quais as condições necessárias para que ocorra a transição entre o paradigma atual e o novo paradigma. Método: A estratégia de pesquisa adotada foi a pesquisa bibliográfica, combinada com a utilização do método socrático. Essa estratégia foi desdobrada em seis etapas para a condução da pesquisa: 1) Formulação de uma estrutura geral da construção, onde foram explicitados conceitos básicos relacionados ao produto e processo; 2) Descrição do macrossetor da construção segundo o paradigma atual, apresentado como um caso particular do caso geral descrito na primeira etapa; 3) Definição dos princípios de sustentabilidade, estruturados segundo três grandes eixos: integração, perpetuação e otimização; 4) Análise de compatibilidade entre os princípios de sustentabilidade e o paradigma atual; 5) Formulação de novo paradigma compatível com os princípios de sustentabilidade formulados na terceira etapa; 6) Identificação das condições necessárias para que ocorra a transição entre o paradigma atual e o novo paradigma. Resultados: O trabalho demonstrou que existem diversas incompatibilidades entre o paradigma atual da construção de edificações e os princípios de sustentabilidade. O estudo também permitiu a formulação de uma estrutura geral da construção de edificações, tanto para o produto, quanto para o processo. Permitiu ainda a caracterização do paradigma atual, bem como a formulação de princípios de sustentabilidade, que poderão orientar as práticas da indústria de edificações, adotadas a partir da formulação do novo paradigma para essa indústria. Finalmente, o trabalho identificou quais as condições necessárias para que ocorra uma transição entre o paradigma atual e o novo paradigma.
Abstract Introduction: The construction macro sector, and, more specifically, building construction, causes a relevant impact on the natural environment. Such impact is generated in three different moments: during production, use and discharge of buildings. Although there is a growing consciousness in the building industry about the need to reduce this impact, present day efforts are limited due to the incompatibility between the present paradigm, on which is based the industry activity, and the sustainability principles to be incorporated in that activity. A new paradigm has to be formulated, to serve as reference to the building industry. Objectives: The main objective of the thesis is to demonstrate the incompatibilities between the present paradigm, that structures the activities of the building industry and the sustainability principles. The secondary principles were formulated in order to make viable the main objective. They are: to clearly define the basic concepts of building construction; to formulate a conceptual structure that can incorporate the basic concepts of building construction, in an consistent and integrated way; to understand the present construction paradigm, as well as the principles that underpin it; to formulate and put forward principles of sustainability that can be used in the development of technological solutions, in the construction of buildings; to define the essential characteristics of a new paradigm, compatible with the sustainability principles proposed; to define which are the necessary conditions for the transition from the present paradigm to the new one; to suggest and evaluate methodologies and technologies, new and existing in other areas of engineering, as to their capacity to incorporate the sustainability principles proposed. Method: The research strategy adopted was the bibliographic research, combined with the use of the Socratic Method. This strategy unfolded into six steps for the development of the research: 1) Formulation of a general construction structure, where basic concepts were expressed, related to the product and the process of construction; 2) Description of the macro sector of construction according to the present paradigm, presented as a particular case of the more general case described in the first step; 3) Definition of the sustainability principles, structured according to three main lines: integration, perpetuation, and optimization; 4) Analysis of compatibility between the principles of sustainability and the present paradigm; 5) Formulation of the new paradigm, compatible with the principles of sustainability, formulated in the third step; 6) Identification of the necessary conditions for the transition between the present paradigm and the new one. Results: This work has demonstrated that there are several incompatibilities between the present paradigm and the principles of sustainability. Such incompatibilities emerge along the three main lines of organization of those principles. Furthermore, this study also produced the formulation of a general theoretical structure for the construction of buildings, for the product as well as for the process. It also presented the characterization of the present paradigm, as well as a formulation of sustainability principles, which can be used to modify the building industry practices, adopted having the underpinning of a new paradigm for this industry. Finally, the work identified which are the necessary conditions for the transition between the present paradigm and the new one.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/96499
Arquivos Descrição Formato
000912529.pdf (7.353Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.