Repositório Digital

A- A A+

Estudo da influência da adição de lecitina de soja na molhabilidade do leite de búfala em pó obtido por spray-drying

.

Estudo da influência da adição de lecitina de soja na molhabilidade do leite de búfala em pó obtido por spray-drying

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estudo da influência da adição de lecitina de soja na molhabilidade do leite de búfala em pó obtido por spray-drying
Autor Hammes, Martim Victor
Orientador Cardozo, Nilo Sérgio Medeiros
Noreña, Caciano Pelayo Zapata
Co-orientador Englert, Alexandre Hahn
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Minas, Metalúrgica e de Materiais.
Assunto Lecitina de soja
Leite de bufala
Secagem
[en] Buffalo milk
[en] Lecithin
[en] Powder
[en] Spray-drying
[en] Wettability
Resumo Existe atualmente uma crescente produção de leite de búfala no Brasil e no mundo, sendo que 13% do leite mundial é produzido por esta espécie, perdendo somente para a produção do leite bovino. Esse crescimento deve-se às características peculiares do leite desta espécie em comparação ao bovino, incluindo teores mais elevados de vitamina C, minerais (como cálcio e fósforo), gordura e proteína. Uma alternativa para dar maior rentabilidade econômica ao leite consiste na transformação do produto para a forma de pó de fácil reconstituição (instantâneo) através de um processo de secagem. Como a reconstituição de um alimento em pó depende significativamente das suas características de molhabilidade, é comum a utilização de processos como aglomeração e lecitinação para melhorar a molhabilidade do leite em pó. Neste contexto, o objetivo deste estudo consiste em investigar a influência da adição de lecitina, antes da secagem por atomização, na molhabilidade do leite de búfala em pó. Com esta finalidade, o leite de búfala in natura foi semidesnatado, pasteurizado, concentrado a 40% (percentual mássico) de sólidos totais e seco por pulverização. Nos produtos preparados com lecitina, este aditivo foi utilizado em proporções de 0,3, 0,5 e 1,0 g de lecitina/100 g de sólidos totais no leite concentrado, previamente ao processo de secagem por atomização. Nestas condições, o efeito da concentração de lecitina na molhabilidade do leite em pó produzido foi avaliado através da técnica de Washburn e do teste de molhamento estático. Ainda, o material seco foi avaliado quanto ao teor de umidade, distribuição de tamanho de partículas e, para amostras específicas, quanto à área superficial, atividade de água, cor e morfologia das partículas (via microscopia eletrônica de varredura). Foi observado que a adição de lecitina diminuiu o tempo de molhamento (valores compreendidos entre 63,9 e 188,4 s) quando comparado ao leite in natura (300,9 s). O ângulo de contato das amostras de leite em pó obtidas em níveis superiores a 0,3% de lecitina adicionada diminuiu significativamente, para valores compreendidos entre 82,73 ± 2,76° e 81,21 ± 2,23°, com relação ao valor obtido sem adição do aditivo (89,01 ± 0,48°). Entretanto, a presença de lecitina não apresentou considerável influência na umidade, atividade de água, cor, morfologia, área superficial e na distribuição de tamanho das partículas obtidas.
Abstract There is nowadays a growing production of buffalo milk in Brazil and in the world. It already represents 13% of total world milk production, being second only to the production of bovine milk. This growth is due to the peculiar characteristics of this kind of milk compared to cow milk, such as higher content of vitamin C, minerals (such as calcium and phosphorous), fat and protein. An alternative to provide greater economic return from milk consists in converting the product to powder for easy reconstitution (i.e. instant food) through a drying process. As the reconstitution of a powdered food depends strongly on its characteristics of wettability, the utilization of alternatives such as agglomeration and addition of lecithin are commonly used to improve the wettability of the final product. In this context, the aim of this study is to investigate the influence of the addition of lecithin, previously to the spray drying on the wettability of buffalo milk powder. For such purpose, the fresh buffalo milk was partially-skimmed, pasteurized, concentrated to 40% (mass percent) of total solids and spray-dried. Four milk powders were produced, one without addition of lecithin and three with different contents of lecithin (0.3, 0.5 and 1.0 g of lecithin/100 g of total solids). The effect of the concentration of lecithin on the wettability of the powder produced was measured by the Washburn technique and static wetting test. Further, the dried material was analyzed for moisture content, particle size distribution, and for specific samples, for surface area, water activity, color and particle morphology (scanning electron microscopy). It was observed that the addition of lecithin decreased the wetting time (values comprised between 63.9 and 188.4 s) when compared to lecithin-free milk (300.9 s). The contact angle of the milk powder samples obtained with levels greater than 0.3% of added lecithin significantly decreased to values between 82.73 ± 2.76° and 81.21 ± 2.23°, with respect to the value obtained without addition of the additive (89.1°). However, the presence of lecithin showed no significant influence on the moisture content, water activity, color, morphology, surface area and particle size distribution of the produced powders.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/96508
Arquivos Descrição Formato
000912428.pdf (2.261Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.