Repositório Digital

A- A A+

Produção de forragem e dinâmica de uma pastagem natural submetida a diferentes métodos de controle de espécies indesejáveis e à adubação

.

Produção de forragem e dinâmica de uma pastagem natural submetida a diferentes métodos de controle de espécies indesejáveis e à adubação

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Produção de forragem e dinâmica de uma pastagem natural submetida a diferentes métodos de controle de espécies indesejáveis e à adubação
Autor Pellegrini, Luiz Giovani de
Nabinger, Carlos
Neumann, Mikael
Carvalho, Paulo Cesar de Faccio
Crancio, Leonardo Araripe
Resumo Foram testados os efeitos, a médio prazo, de quatro métodos de controle de plantas indesejáveis sobre a produção de forragem e a dinâmica da vegetação em área de pastagem nativa representativa da transição entre a Serra do Sudeste e a Depressão Central do Rio Grande do Sul. Os métodos de controle foram: sem controle; controle mecânico com roçada de primavera; controle mecânico com roçada de outono; e controle químico com herbicida comercial Tordon, à base de Picloram + 2,4-D, na dosagem de 5 L/ha, associado ou não a fertilização (sem e com adubo). Houve interação entre sistema fertilização e estação do ano e entre método de controle e estação do ano para massa de forragem disponível e de gramíneas. O sistema de fertilização aumentou a massa de forragem disponível [4.919,0 kg/ha de matéria seca (MS)] e de gramíneas (2.313,1 kg/ha de MS). A massa de forragem foi maior na ausência de controle de plantas indesejáveis, que resultou em valores de 5.024,4; 3.931,2; 3.920,1 e 3.701,1 kg/ha de MS no verão, inverno, outono e na primavera, respectivamente. A frequência de espécies indesejáveis não se altera com a adubação (sem adubo 8,0% e com adubo 8,4%). O controle químico promove controle total das espécies indesejáveis e leguminosas nativas. A roçada no outono é mais eficiente no controle das espécies indesejáveis que a roçada de primavera.
Abstract It was tested the effects, in a medium term, of four methods to control undesirable plants on forage production and dynamic of vegetation in a representative area of natural pasture in the transition between Serra do Sudeste and the Depressão Central in Rio Grande do Sul. The control methods were the following: without control, mechanical control with spring mowing, mechanical control with autumn mowing and chemical control with Tordon commercial herbicide based on Picloram + 2,4-D at the dosage 5 L/ha associated or not with the fertilization system (with and without fertilizer). There was an interaction between fertilization system and season of the year and interaction between the control method and season of the year for available forage and grass mass. The fertilization system improved the available forage [4,919.0 kg/ha of dry matter (DM)] and mass of grasses (2,313.1 kg/ha of DM). Forage mass was higher in the absence of undesirable plant control, which resulted in values 5,024.4, 3,931.3, 3,020.1 and 3,701.1 kg/ha of DM in the summer, winter, autumn and spring, respectively. The frequency of undesirable species is not modified by fertilization (8.0% without fertilizer and 8.4% with fertilizer). Chemical control promotes total control of undesirable species and native leguminous. Autumn mowing is more efficient in controlling undesirable species than spring mowing.
Contido em Revista brasileira de zootecnia= Brazilian journal of animal science. Viçosa, MG. Vol. 39, n.11 (nov. 2010), p. 2380-2388
Assunto Forragicultura
[en] botanical composition
[en] chemical control
[en] forage production
[en] mechanical control
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/96537
Arquivos Descrição Formato
000787967.pdf (115.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.