Repositório Digital

A- A A+

Metodologias de avaliação do valor nutricional do farelo de arroz desengordurado para suínos

.

Metodologias de avaliação do valor nutricional do farelo de arroz desengordurado para suínos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Metodologias de avaliação do valor nutricional do farelo de arroz desengordurado para suínos
Autor Kunrath, Marco Antônio
Kessler, Alexandre de Mello
Ribeiro, Andrea Machado Leal
Vieira, Maitê de Moraes
Silva, Gabriel Luz da
Peixoto, Felipe D'avila
Resumo O objetivo deste trabalho foi comparar o método de substituição com o de análise de regressão, na determinação do valor nutricional do farelo de arroz desengordurado, em dietas para suínos, nas fases de crescimento e terminação. Foram conduzidos dois ensaios de digestibilidade com 16 suínos machos castrados na fase de crescimento, com peso vivo inicial de 50,0±3,1 kg, e 16 suínos machos castrados na fase de terminação, com peso vivo inicial de 95,0±3,8 kg, alojados em gaiolas metabólicas. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado com quatro tratamentos − 0, 15, 30 e 45% de substituição da dieta‑referência por farelo de arroz desengordurado − e quatro repetições, com um animal como unidade experimental. A análise de regressão foi mais precisa para estimar o valor nutricional do farelo de arroz desengordurado do que o método de substituição. Por esta análise, os coeficientes de digestibilidade aparente da matéria seca, matéria orgânica, proteína bruta e o valor de energia metabolizável do farelo de arroz desengordurado foram, respectivamente: 57,7, 64,8, 56,6% e 2.429 kcal kg‑1, na fase de crescimento, e 57,7, 64,7, 62,6% e 2.233 kcal kg‑1, na fase de terminação.
Abstract The objective of this work was to compare the substitution method and the regression analysis method to determine the nutritional value of defatted rice bran in diets for swines at growing and finishing phases. Two digestibility bioassays were carried out with 16 barrows with initial body weight of 50.0±3.1 kg, in the growing phase, and 16 barrows with initial body weight of 95.0±3.8 kg, in the finishing phase, housed in metabolic cages. A completely randomized design was used with four treatments − 0, 15, 30 and 45% of substitution of the reference diet by defatted rice bran − and four replications, with one animal as the experimental unit. The regression analysis was more accurate than the method of substitution to assess the nutritional value of defatted rice bran. Throught this analyse, the apparent digestibility coefficients of dry matter, organic matter, crude protein and metabolizable energy of defatted rice bran were, respectively, 57.7, 64.8, 56.6% and 2,429 kcal kg‑1 on growing phase, and 57.7, 64.7, 62.6% and 2,233 kcal kg‑1 on finishing phase.
Contido em Pesquisa Agropecuaria Brasileira : 1977. Brasilia. Vol. 45, n. 10 (out. 2010), p. 1172-1179
Assunto Farelo de arroz
Nutricao animal
Suíno
[en] animal nutrition
[en] dietary fibre
[en] digestibility
[en] metabolizability
[en] Oryza sativa
[en] Sus scrofa domesticus
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/96548
Arquivos Descrição Formato
000772829.pdf (359.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.