Repositório Digital

A- A A+

Aspectos clínicos e patológicos em bovinos afetados por raiva com especial referência ao mapeamento do antígeno rábico por imuno-histoquímica

.

Aspectos clínicos e patológicos em bovinos afetados por raiva com especial referência ao mapeamento do antígeno rábico por imuno-histoquímica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Aspectos clínicos e patológicos em bovinos afetados por raiva com especial referência ao mapeamento do antígeno rábico por imuno-histoquímica
Outro título Clinical and pathological aspects in cattle affected by rabies with special reference to the rabies antigen mapping by immunohistochemistry
Autor Driemeier, David
Pedroso, Pedro Miguel Ocampos
Pescador, Caroline Argenta
Arruda, Laura P.
Colodel, Edson Moleta
Resumo Este estudo retrospectivo incluiu achados clínicos e patológicos de 15 bovinos afetados por raiva. Em treze dos quinze casos, raiva foi confirmada por imunofluorescência direta. Bovinos entre 4 meses e 8 anos foram afetados. O curso clínico variou de três a sete dias. A forma paralítica foi a mais frequente e incluiu incoordenação, paresia e paralisia dos membros pélvicos, decúbito, movimentos de pedalagem e morte. Os principais achados histopatológicos foram meningoencefalite linfoplasmocitária associada com corpúsculos de Negri em 86,6% dos casos. Todos os casos foram positivos na imuno-histoquímica para raiva, cujas reações foram mais evidentes no tronco encefálico, incluindo bulbo, ponte e mesencéfalo, além de gânglio trigêmeo. A imuno-histoquímica demonstrou o vírus da raiva em axônios, dendritos e pericário de neurônios, como agregados de grânulos ou em formações arredondadas associadas com números variáveis de corpúsculos de inclusão virais nos neurônios. Houve também marcação nos neurônios de Purkinje e de seus processos na camada molecular, nos núcleos do tronco encefálico e camada profunda do córtex telencefálico. A imuno-histoquímica pode ser importante ferramenta diagnóstica no diagnóstico da raiva, especialmente em situações nas quais não é possível manter refrigeração adequada das amostras e em casos com meningoencefalite não-supurativa e ausência de corpúsculos de inclusão.
Abstract This retrospective study included clinical and pathological findings from 15 cattle affected by rabies. Thirteen of the 15 cases were confirmed by direct immunofluorescence. Cattle between 4 months and 8 years of age were affected. Clinical course ranged from 3 to 7 days. Paralytical form was the most common clinical picture and included incoordination, paresis, and paralysis of the pelvic members, besides recumbence, paddling, and death. The main histopathological findings were lymphoplasmacytic meningoencephalitis associated with characteristic Negri bodies in 86.6% of the cases. All cases showed antirabies immunostaining, which were most prominent in the brainstem including medulla oblongata, pons, and midbrain, besides trigeminal ganglion. Positive labeling was present within axons, dendrites, and perikarya of neurons as aggregates of granules or round formations associated with varying numbers of inclusion bodies. Immunostaining was also observed in the Purkinje neurons and their processes in the molecular layer, in the neurons of of the brainstem, and deep layer of the telencephalic cortex. Immunohistochemistry may be an important auxiliary tool for the diagnosis of rabies, especially in circumstances in which refrigeration cannot be adequately maintained, and in cases characterized by nonsuppurative meningoencephalitis with absence of inclusion bodies.
Contido em Pesquisa veterinaria brasileira. Vol. 29, n. 11 (nov. 2009), p. 899-904
Assunto Imuno-histoquímica
Patologia veterinaria : Bovinos
Raiva
[en] Cattle diseases
[en] Immunohistochemistry
[en] Lyssavirus
[en] Rabies
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/96951
Arquivos Descrição Formato
000754460.pdf (998.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.