Repositório Digital

A- A A+

Perda da resposta secretória intestinal de PYY à sobrecarga oral de gordura saturada após indução de resistência à insulina por dieta hiperlipídica em ratos wistar

.

Perda da resposta secretória intestinal de PYY à sobrecarga oral de gordura saturada após indução de resistência à insulina por dieta hiperlipídica em ratos wistar

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Perda da resposta secretória intestinal de PYY à sobrecarga oral de gordura saturada após indução de resistência à insulina por dieta hiperlipídica em ratos wistar
Autor Antunes, Luciana da Conceição
Orientador Bertoluci, Marcello Casaccia
Data 2013
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Dieta hiperlipidica
Gorduras na dieta
Peptídeo YY
Resistência à insulina
[en] Insulin resistance
[en] Monounsaturated fatty acid
[en] PYY
[en] Saturated fatty acid
Resumo Introdução: O PYY é um peptídeo regulador da saciedade produzido pelas células intestinais em resposta à chegada intraluminal de nutrientes. Objetivos: O presente estudo objetivou avaliar o efeito de sobrecargas agudas de gorduras saturadas (SAT) e monoinsaturadas (MUFA) na secreção aguda de PYY em ratos Wistar normais e após insulinorresistência induzida por dieta hiperlipídica. Métodos: Em experimento controlado, ratos Wistar foram submetidos a uma dieta altamente gordurosa (HFD) (55% de gordura) por 19 semanas (n=15) ou à dieta normal (GC) pelo mesmo tempo (ração ad libitum) (n=15). Ao final de 14 semanas foi realizado um experimento cross-over onde foi avaliada a resposta secretória de PYY sérico nos tempos basal e 60 minutos após sobrecarga oral lipídica isovolumétrica, por meio de gavagem, ajustadas para o peso, administrada de forma aleatória, em dias diferentes, constituídas por ácidos graxos saturados (SAT-banha de porco) ou monoinsaturados (MUFA-óleo de oliva) ou água (CONT). Diferenças entre médias e grupos foram avaliadas por meio de ANOVA de medidas repetidas e associação por regressão linear simples. Resultados: Em relação ao PYY, no grupo com dieta normal, ambas sobrecargas MUFA e SAT elevaram a resposta secretória de PYY significativamente em relação aos seus respectivos basais: MUFA-Basal 2,18 (± 0,24) vs. MUFA-60min 2,30 (± 0,26) pg/ml e SAT-basal 2,21 (± 0.25) pg/ml vs. SAT- 60min 2,29 (± 0,22) pg/ml ANOVA múltiplas entradas p= 0,019 intragrupos; entretanto, sem diferença entre grupos MUFA e SAT (ANOVA múltiplas entradas entre-grupos p= 0,314). No grupo HFD por outro lado, a sobrecarga SAT reduziu o PYY: SAT-basal 2,16 (± 0.21) pg/ml vs. SAT-60min 2,11 (± 0,30) pg/ml (p= 0,01,intragrupos) enquanto a sobrecarga MUFA manteve o mesmo aumento MUFAbasal 2,15pg/ml vs. MUFA-60min 2,22 (± 0.22) pg/ml. p=0,019 (intragrupos). A administração de água (CONT) também reduziu o PYY em relação ao basal, tanto com na dieta normal (p= 0,0091) como na dieta (HFD) (p= 0,0091), mas sem diferença entre os grupos (p= 0,7433). Conclusão: Em ratos Wistar, as sobrecargas lipídicas, tanto de MUFA como de gordura saturadas, aumentam agudamente a secreção de PYY. Entretanto, em ratos Wistar tornados insulinorresistentes através de uma dieta altamente rica em gordura saturada, a mesma sobrecarga de gordura saturada perde a capacidade de estimular os níveis de PYY, enquanto à resposta ao MUFA segue preservada. Esta resposta paradoxal a gorduras saturadas poderia representar um dano celular causado pela insulinorresistência ao tecido intestinal interferindo no aparato secretor de PYY em resposta a este nutriente. Estudos no tecido intestinal precisam ser realizados para identificar possíveis fatores envolvidos e suas implicações no controle da saciedade pelo PYY em indivíduos insulinorresistentes.
Abstract Background: PYY is a gut peptide released by L-cells from the intestine after a meal. Objective: The present study aimed to evaluate the effect of acute overloads of saturated fatty acids (SAT) and monounsaturated fatty acids (MUFA) on PYY release in normal and diet induced insulin resistant wistar rats. Methods: a nineteen weeks experiment was conducted with 30 wistar rats that were allocated into two groups: high fat diet (HFD group) (n=15) with diet composition of 55% of lard and 45% standard chow and control group (CG) (n=15). Both groups received water and food ad libitum. Later a cross-over experiment was conducted to evaluate PYY secretory response 60 minutes after two different lipid overloads (SAT-lard; MUFAolive oil) and water (CONT), adjusted by weight, all isovolumetric and lipids were isocaloric, randomly administered in different days. Mean differences were analyzed by repeated measures ANOVA and association by simple linear regression. Results: Both MUFA and SAT overloads significantly increased PYY release in the CG in comparison with baselines: MUFA-Baseline 2,18±0,24 vs. MUFA-60min 2,30±0,26pg/ml and SAT-baseline 2,21±0.25pg/ml vs. SAT-60min 2,29±0,22 pg/ml ANOVA multiple entry p=0,019 intra-group, however without difference between MUFA and SAT (ANOVA multiple entry inter-group p=0,314). In the other hand, HFD SAT overload significantly decreased PYY release: SAT-baseline 2,16±0.21 pg/ml vs. SAT-60min 2,11±0,30 pg/ml (p=0,01,intra-group) while MUFA overload was able to keep the increase on PYY release MUFA-baseline 2,15pg/ml vs. MUFA-60min 2,22±0.22 pg/ml. p=0,019 (intra-group). Water overload (CONT) also reduced PYY release in comparison with baseline in both CG (p=0,0091) and HFD (p=0,0091), without difference between them (p= 0,7433). Conclusion: MUFA and SAT overloads increase PYY release after 60 minutes in normal wistar rats. However, when became high fat diet induced insulin resistant the SAT overload looses the capacity to stimulate PYY release, while MUFA response keeps preserved. This paradoxal finding to saturated fatty acids could indicate a cellular damage caused by insulin resistance in the intestinal tissue which compromises PYY secretory apparatus in response to this nutrient. Studies in the intestinal tissue must be conducted in order to identify possible factors involved and its implications in satiety signals PYY mediated in insulin resistance individuals.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/97175
Arquivos Descrição Formato
000920287.pdf (8.628Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.