Repositório Digital

A- A A+

Abertura econômica e desenvolvimento : um estudo comparativo entre Coreia do Sul e Chile

.

Abertura econômica e desenvolvimento : um estudo comparativo entre Coreia do Sul e Chile

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Abertura econômica e desenvolvimento : um estudo comparativo entre Coreia do Sul e Chile
Autor Kunzler, Pedro Musskopf
Orientador Milan, Marcelo
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Economia
[en] Chile
[en] Liberalism
[en] Protectionism
[en] South Korea
[en] Trade opening
Resumo A pesquisa a seguir apresenta uma comparação entre a abertura comercial sul coreana e chilena. Os períodos em análise levam em consideração trinta anos de relativamente rápido crescimento das duas economias. No caso sul coreano a ênfase é dada ao período de 1960 até 1990, e no caso chileno de 1970 até 2000, com vinte anos de sobreposição. O trabalho coloca em destaque as diferentes abordagens utilizadas pelos países para suas respectivas aberturas comerciais e o fato de o setor exportador passar a desempenhar um papel central de dinamismo nas duas economias. O trabalha mostra como a Coreia do Sul utilizou medidas protecionistas para abrir seu mercado gradativamente para a exportação de produtos manufaturados e o Chile utilizou medidas liberais para a exportação de produtos primários. Posteriormente à apresentação das aberturas comercias das duas nações é feita uma comparação que aponta os principais resultados obtidos pelas mesmas.
Abstract The following paper presents a comparison between the South Korean and the Chilean openness to international trade. The periods under consideration take into account thirty years of relatively rapid growth of the two economies. In the South Korean case, emphasis is given to the period ranging from 1960 to 1990, and in the case of Chile from 1970 to 2000. So, we have twenty years overlapping. The paper puts emphasis on the different approaches used by the two countries to carry out their respective trade openings, and on the fact that the export sector played a key role for the economy’s dynamism in both economies. The paper shows how South Korea adopted protectionist measures to gradually open its economy in order to export manufactured goods, and how Chile introduced liberal measures for exporting primary goods. After the presentation of the commercial openings of the two nations, a comparison is made to highlight the main results obtained by them.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/97711
Arquivos Descrição Formato
000915473.pdf (681.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.