Repositório Digital

A- A A+

Estudo sobre o desenvolvimento da escrita em estudantes do 2º ano do ensino fundamental

.

Estudo sobre o desenvolvimento da escrita em estudantes do 2º ano do ensino fundamental

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estudo sobre o desenvolvimento da escrita em estudantes do 2º ano do ensino fundamental
Autor Araújo, Roberta Silva
Orientador França, Marcio Pezzini
Data 2013
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Especialização em Fonoaudiologia, ênfase Infância.
Assunto Ensino fundamental
Linguagem escrita
Ortografia
[en] Education
[en] Language
[en] Language and hearing sciences
[en] Speech
Resumo Objetivo: investigar a hipótese de escrita e nível ortográfico de crianças de 2º ano do atual ensino fundamental; descrever e classificar erros ortográficos, comparando a hipótese de escrita e nível ortográfico de acordo com o sexo dos alunos; e comparar os dados coletados entre escola pública e privada. Métodos: Trata-se de um estudo transversal desenhado para descrever a freqüência das hipóteses de escrita e ortografia em escola de ensino fundamental da rede privada e da rede pública. A amostra foi composta por 200 estudantes do 2º ano do ensino fundamental, 100 de rede privada e 100 de rede pública de ensino. Os dados foram coletados por meio de um ditado balanceado de 24 palavras, aplicados num tempo médio de 30 minutos, durante atividades escolares rotineiras. Resultados e conclusão: entre os achados, destacam-se: 16,5% da amostra se encontram em nível de hipótese de escrita; meninos têm 2 vezes mais chance de encontrarem-se em nível de hipótese de escrita no segundo semestre do 2º ano do ensino fundamental; crianças de escola pública têm 9 vezes mais chances de encontrarem-se em nível de hipótese de escrita nos segundo semestre do segundo ano do ensino fundamental. Tais resultados nos levam a reflexões sobre o programa de 9 anos de ensino fundamental, implementado em 2006 e o quanto está levando em conta a prontidão do desenvolvimento infantil para a alfabetização.
Abstract Purpose: to investigate the hypothesis of writing and orthographic standard from children from the second year of the current fundamental teaching; describe and classify orthographic mistakes, comparing the hypothesis of writing and orthographic standard according to the sex of the classmates; and compare the collected data between public and private school. Methods: it is a transversal study designed to describe the frequency of hypothesis of writing and orthography in fundamental teaching schools from private and public network. The sample was composted by 200 students from the second year of fundamental teaching, 100 from the public network and 100 from the private. The data were collected by a balanced dictate of 24 words, applied in a time of approximately 30 minutes, during routinist school activities. Results and conclusion: among the findings, stand out that: 16,5% of the sample are in the level of hypothesis of writing; boys has twice more chances to be in the level of hypothesis of writing in the second semester of the second year from fundamental teaching. Such results instigate us to reflections about the program of 9 years of fundamental school, implemented since 2006 and what is considering the readiness for the child development for alphabetization.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/98300
Arquivos Descrição Formato
000921762.pdf (244.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.