Repositório Digital

A- A A+

Estudo sobre o desenvolvimento da escrita em estudantes do 1º ano do ensino fundamental

.

Estudo sobre o desenvolvimento da escrita em estudantes do 1º ano do ensino fundamental

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estudo sobre o desenvolvimento da escrita em estudantes do 1º ano do ensino fundamental
Autor Goulart, Ana Paula de Fraga
Orientador França, Marcio Pezzini
Data 2013
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Especialização em Fonoaudiologia, ênfase Infância.
Assunto Ensino fundamental
Linguagem escrita
Ortografia
[en] Literacy
[en] Speech therapy
[en] Writing hypothesis
[en] Writing language
Resumo OBJETIVO: Descrever o perfil esperado de escrita em crianças do 1º ano do ensino fundamental no currículo de 9 anos, a fim de contribuir para o planejamento de professores, fonoaudiólogos e todos os profissionais envolvidos com as séries iniciais com base em uma investigação de hipóteses de escrita, conforme Ferreiro e Teberoski (1986). MÉTODO: Estudo descritivo realizado por meio da aplicação de ditado em duzentos alunos do 1º ano do Ensino Fundamental de escola pública e privada. RESULTADOS: Na comparação da hipótese alfabética entre as duas escolas, 77,60% das crianças de escola privada concluem alfabéticas o 1º ano, enquanto apenas 48,80% saem nessa condição da escola pública; em geral, 12,2% das crianças do 1º ano no Ensino Fundamental do currículo de 9 anos chegam ao final do ano letivo sem apresentar correspondência fonema- grafema, ou seja, deixam em branco ou escrevem em nível pré-silábico, sendo que a média dos que deixaram em branco e dos pré-silábicos soma 17% na escola pública, enquanto que na escola privada apenas 6,30%. CONCLUSÃO: Com base nos resultados apresentados nesse estudo concluiu-se que os escolares do 1º ano apresentaram ao final do ano letivo, uma variabilidade de hipóteses de escrita. Portanto, após comparação entre instituição pública e privada, a maioria das crianças de escolas públicas ingressa no 2º ano sem apresentarem etapa alfabética da escrita, o que não ocorre na escola privada.
Abstract PURPOSE: Describe the expected pattern of children writing in the 1st year of elementary school in the curriculum of nine years, in order to contribute to the planning of teachers, speech therapists and all professionals involved in the initial series based on a research of writing hypothesis, as Ferreiro and Teberoski (1986). METHOD: Descriptive study through the application of dictation in two hundred students in the 1st year of elementary public and private schools. RESULTS: Comparing the alphabetic hypothesis between the two schools, 77.60% of private school children complete alphabetic 1st year, while only 48.80% leave public school in this condition, in general, 12.2% of children from 1st year in elementary school curriculum of nine years reach the end of the school year without presenting phoneme-grapheme correspondence, that is, leave blanks or write in the pre-syllabic level, and the average of those who left in blank and pre-syllabic students sum 17% in public school, while private school only 6.30%.CONCLUSION: Based on the results presented in this study it was concluded that the students of 1st year presented by the end of the school year, a variability of writing hypothesis. Therefore, after comparing public and private institution, the majority of public school children enter the 2nd year without presenting alphabetical writing stage, which does not occur in the private school.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/98323
Arquivos Descrição Formato
000929021.pdf (527.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.