Repositório Digital

A- A A+

Indução de puberdade em leitoas com diferentes idades em dois sistemas de manejo

.

Indução de puberdade em leitoas com diferentes idades em dois sistemas de manejo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Indução de puberdade em leitoas com diferentes idades em dois sistemas de manejo
Outro título Puberty induction in gilts at different ages in two management systems
Autor Ribeiro, Renato Rosa
Magnabosco, Diogo
Bierhals, Thomas
Gaggini, Thais Schwarz
Bernardi, Mari Lourdes
Bortolozzo, Fernando Pandolfo
Wentz, Ivo
Resumo O objetivo deste trabalho foi determinar o efeito do método de exposição ao macho e da idade da leitoa, por ocasião da exposição, sobre o percentual de manifestação do primeiro estro, idade de início da puberdade e intervalo entre estímulo e puberdade. Leitoas Danbred F1 Landrace x Large White foram induzidas à puberdade com dois sistemas de exposição ao macho – Baia, estímulo feito pela introdução de macho na baia das fêmeas; Bear, estímulo feito pela colocação de fêmeas na área de permanência de machos –, em três idades de início do estímulo – 150, 170 e 200 dias. Não houve diferença entre os sistemas de estimulação quanto à percentagem de leitoas em estro, idade à puberdade e intervalo entre estimulação e puberdade. Esse intervalo foi menor, quando a exposição das fêmeas foi feita aos 200 dias de idade, e a proporção de fêmeas que atingiram a puberdade aos 10, 20, 30 e 42 dias após o início da exposição foi maior. A indução da puberdade tem maior sucesso quando a exposição da fêmea ao macho é feita aos 200 dias de idade, independentemente do sistema de estimulação.
Abstract The objective of this work was to determine the effect of boar‑exposure method and of gilt age at exposure on the percentage of first estrus manifestation, puberty age, and interval between stimulus and puberty. Danbred F1 Landrace x Large White gilts were induced to puberty with two different systems of boar exposure – Baia, stimuli done by putting a male inside the pens of gilts; Bear, stimuli done by putting the females in an area with males –, and three ages at the beginning of stimulation – 150, 170 and 200 days. There was no difference between the stimulation systems for the percentage of gilts in estrus, puberty age, and the interval between stimulation and estrus onset. This interval was lower when stimulus started at 200 days, and the proportion of gilts which reached puberty at 10, 20, 30 and 42 days after the beginning of boar‑exposure was higher. Puberty induction has higher success when the female exposure to the male is done at 200 days, regardless of the boar‑exposure system.
Contido em Pesquisa Agropecuaria Brasileira : 1977. Brasilia. Vol. 47, n. 10 (out. 2012), p. 1518-1523
Assunto Manejo animal
Reprodução animal
Suíno
[en] Age of first estrus
[en] Nulliparous
[en] Stimulation of puberty
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/98449
Arquivos Descrição Formato
000874345.pdf (767.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.