Repositório Digital

A- A A+

Avaliação de dois diferentes fios de sutura para Colopexia incisional laparoscopia em cães : estudo experimental

.

Avaliação de dois diferentes fios de sutura para Colopexia incisional laparoscopia em cães : estudo experimental

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação de dois diferentes fios de sutura para Colopexia incisional laparoscopia em cães : estudo experimental
Outro título Evaluation of two differents sutures for inciosional laparoscopic Colopexy in dogs : a experimental study
Autor Brun, Marcelo Veloso
Pippi, Ney Luis
Beck, Carlos Afonso de Castro
Contesini, Emerson Antônio
Pereira, Rosecler A.
Stedile, Rafael
Bonfada, Adamas Tassinari
Bordin, A.I.
Silva, T.F.
Columé, Lucas Marques
Gomes, Kléber
Vieira Junior, Antônio Roberto Pinheiro
Resumo Com o objetivo de descrever técnica laparoscópica para a realização de colopexia em cães, comparando os resultados de dois distintos fios de sutura, os autores utilizaram 10 animais separados em dois grupos de igual número (GV e GP). Nos do GV, a colopexia foi realizada com fio de poliglactina 910 3-0, enquanto no GP empregou-se polipropileno de igual espessura. Para o procedimento, os caninos foram posicionados em decúbito dorsal e submetidos a pneumoperitônio com CO2 na pressão de 12mmHg. Foram introduzidos quatro trocartes, dois de 5mm e dois de 10mm, nas regiões umbilical, lateral direita e esquerda. O cólon descendente foi apreendido com pinça Babcock e submetido a incisão seromuscular de 2,5cm na superfície antimesentérica. Procedeu-se a incisão semelhante no músculo transverso abdominal, paralelamente à linha alba. As margens correspondentes das feridas do intestino e da musculatura abdominal foram aposicionadas com suturas contínuas simples. No 14º dia pós-operatório, os caninos foram submetidos a laparoscopia para as avaliações da cavidade peritoneal e das aderências produzidas, bem como para as coletas de biópsias. Constatou-se permanência da colopexia em todos os animais e a fixação do omento na região da sutura em 60% e 100% dos representantes do GV e do GP, respectivamente. Ambos os fios demonstraram adequabilidade; contudo, a sutura foi realizada mais facilmente com a poliglactina 910, graças à sua menor “memória”. Na histologia, observou-se que a deposição de tecido conjuntivo foi semelhante entre os grupos, sendo que em todos os casos o colágeno apresentava-se maturo. Pode-se concluir que a técnica laparoscópica proposta é adequada para a realização de colopexias em cães.
Abstract Aiming to describe the laparoscopic technique for dog colopexy and to compare two suture materials 10 mongrel dogs separated in two groups of five (GV e GP). In the GV group the colopexy was realized with a polyglactin 910 3-0, and in the GP group a polypropylene 3-0 was used. For both procedures the dogs were positioned in dorsal recumbence and submitted to a pneumoperitoneum with CO2 using pressure of 12mmHg. Four trocars (two of 5mm and two of 10mm) were introduced in the left and right position of umbilical region. The descendent colon was grasped with a Babcock forceps and submitted to a seromuscular incision of 2.5 cm in the antimesenteric surface. A similar lesion was preceded in the transverse abdominal muscle, parallel with the ventral midline. The incisioned margins of colon and transverse abdominal muscle were sutured in two lines of simple continuous pattern. Fourteen days after the surgeries the dogs were submitted to laparoscopy surgery for evaluations of the peritoneal cavity and of the adherences occurred and to biopsies collections. The colopexy permanence was found in all dogs and the omentum fixation in the suture region was observed in 60% of GV dogs and 100% of GP dogs. Both suture materials were reported adequate for the colopexy procedure, however the polyglactin 910 suture was more easily realized due to its lower memory. In the histological analysis were observed that the connective tissue deposition was similar in both groups and in all 10 dogs the collagen fibers presented mature aspect. Based on the results presented herein, the proposed laparoscopic technique in adequate for colopexy procedure in dogs.
Contido em Revista da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo. São Paulo, SP. Vol. 41 n. 3, (2004), p. 154-161
Assunto Cirurgia laparoscópica animal
Colopexia
Suturas : Fios
Videolaparoscopia experimental : Cirurgia
[en] Colopexy
[en] Dogs
[en] Laparoscopic surgery
[en] Videolaparoscopy
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/99243
Arquivos Descrição Formato
000479293.pdf (483.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.