Repositório Digital

A- A A+

Seletividade de herbicidas residuais ao feijão-comum durante o período inicial da fase vegetativa

.

Seletividade de herbicidas residuais ao feijão-comum durante o período inicial da fase vegetativa

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Seletividade de herbicidas residuais ao feijão-comum durante o período inicial da fase vegetativa
Outro título Selectivity of residual herbicides to common bean during the early period of the vegetative phase
Autor Kalsing, Augusto
Vidal, Ribas Antonio
Resumo Avaliou-se neste trabalho a seletividade de herbicidas residuais, aplicados em doses crescentes, na condição de pré-emergência, sobre o crescimento do feijão-comum (Phaseolus vulgaris) durante o início da fase vegetativa da cultura. O estudo foi conduzido em casa de vegetação, em delineamento inteiramente ao acaso e com tratamentos arranjados em esquema fatorial, utilizando-se cinco repetições. O cultivar de feijão utilizado para avaliar os efeitos dos tratamentos foi o IPR Graúna. O fator A foi composto de cinco herbicidas de aplicação em pré-emergência do feijoeiro comum, e o fator B, de doses crescentes desses herbicidas. Os herbicidas foram alachlor, dimethenamid, S-metolachlor, pendimethalin e trifluralin, e as doses corresponderam a 0, 100, 150, 200 e 300% da dose máxima registrada para uso na cultura do feijão-comum. As variáveis avaliadas foram emergência de plântulas, intoxicação visual das plantas e massa seca das plantas, aos 05, 20 e 25 dias após a emergência, respectivamente. Alachlor não foi seletivo ao feijão-comum, ao passo que dimethenamid, S-metolachlor, pendimethalin e trifluralin o foram, quando aspergidos até a máxima dose registrada. O nível de seletividade dos herbicidas dimethenamid e S-metolachlor variou de acordo com a dose aplicada, enquanto o de pendimethalin e trifluralin não se modificou.
Abstract The objective of this work was to evaluate the selectivity of residual herbicides applied at increasing rates, under pre-emergence condition, to common bean crop (Phaseolus vulgaris) during the early period of the vegetative phase. The experiment was arranged in a randomized design under greenhouse conditions, with the treatments in a two-factorial scheme, using five replicates per treatment. The common bean cultivar IPR Graúna was used as a reagent of the treatments. Factor A was composed by the herbicides, and Factor B, by the rates. The herbicides were alachlor, dimethenamid, S-metolachlor, pendimethalin, and trifluralin, and the rates corresponded to 0, 100, 150, 200, and 300% of the maximum label rate for use in the common bean. The variables applied were plantlet emergence, visual intoxication and dry mass of the common bean, respectively, at 05, 20, and 25 days after emergence. Alachlor was not selective to the common bean, while dimethenamid, S-metolachlor, pendimethalin, and trifluralin were selective when sprayed up to the maximum rate. The level of selectivity of dimethenamid and S-metolachlor varied with the rate applied, while the level of selectivity of trifluralin and pendimethalin did not change.
Contido em Planta daninha. Viçosa, MG. Vol. 31, n. 2, (out./dez. 2013), p. 411-417
Assunto Erva daninha
Herbicida
[en] Phaseolus vulgaris
[en] Pre-emergence
[en] Tolerance
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/99289
Arquivos Descrição Formato
000922167.pdf (145.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.