Repositório Digital

A- A A+

Information technology investments and supply chain governance

.

Information technology investments and supply chain governance

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Information technology investments and supply chain governance
Autor Dolci, Pietro Cunha
Macada, Antonio Carlos Gastaud
Abstract The aim of this research is to propose a model that relates information technology (IT) investments, supply chain governance (SCG) and performance together. For this purpose, a pilot study involving both a qualitative and a quantitative stage was conducted. The qualitative analysis, consisting of an extensive literature review and two case studies conducted in six major, globally-relevant Brazilian companies, led to the development of an initial model. This model was refined during the quantitative stage that involved 38 executives from large national companies. IT was found to be one of the main drivers of SCG influencing companies’ supply chain performance. The final model consists of 5 constructs and 26 elements. Regarding the SCG constructs: (a) a new element ‘formal contracts’, emerged in the ‘contractual SCG’ construct; (b) the element ‘cooperation’ was not confirmed in the ‘relational SCG’ construct; (c) the element ‘transparency’ was considered an important element in the ‘transactional SCG’ construct. Five new elements emerged in the ‘IT investment’ construct. Market aspects were highlighted as being relevant in the ‘supply chain performance’ construct. Thus, the model includes elements that can be analyzed in order to shed light on how IT investments influence SCG and supply chain performance.
Resumo O objetivo dessa pesquisa é propor um modelo relacionando os investimentos em tecnologia da informação (TI), a governança da cadeia de suprimentos (GCS) e o seu desempenho. Foi realizado um estudo piloto com uma etapa qualitativa e outra quantitativa para a elaboração e o refinamento do instrumento. Na etapa qualitativa, foi elaborado um modelo baseado numa extensa revisão da literatura e em dois estudos de caso realizados em 6 grandes empresas brasileiras com relevância mundial. A partir dessa etapa, foi proposto um modelo que foi refinado através de uma etapa quantitativa com 38 executivos de grandes empresas. Foi identificado que a TI é um dos principais direcionadores da GCS, influenciando o desempenho das empresas na cadeia. O modelo final é composto por 5 constructos e 26 elementos. Nos constructos: (a) governança contratual, o elemento contrato formal emergiu das análises; (b) governança relacional, o elemento cooperação não foi confirmado; e (c) governança transacional: a transparência nas transações foi considerada como sendo um elemento importante. No constructo investimento em TI relacionado à GCS, emergiram cinco novos elementos. No constructo desempenho da cadeia relacionado com a GCS, foram destacados os aspectos de mercado como sendo relevantes. Assim, o modelo contempla elementos a serem analisados para entender como os investimentos em TI influenciam a GCS e seu desempenho.
Contido em Revista de administracao contemporanea. Rio de Janeiro. Vol. 18, n. 2 (mar./abr. 2014), p. 217-235
Assunto Cadeia de suprimentos
Desempenho
Governança
Investimentos
Tecnologia da informação
[en] IT investments
[en] Supply chain governance
[en] Supply chain performance
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/99313
Arquivos Descrição Formato
000921676.pdf (483.9Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.