Mostrar el registro sencillo del ítem

dc.contributor.authorMarshall, Francisco
dc.date.accessioned2020-07-16T20:46:31Z
dc.date.available2020-07-16T20:46:31Z
dc.date.issued2020pt_BR
dc.identifier.issn2237-4086pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/212007
dc.description.abstractAborda a isonomia na universidade e a necessidade de garantir que alunos e técnicos tenham o mesmo peso de decisão que os professores na hora de escolher os novos reitores. Assinado por Francisco Marshall, professor do Departamento de História da UFRGS.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.relation.ispartofJornal da Universidade, 2020, v. 23, n. 230, p. 4, mar.pt_BR
dc.rightsOpen Accesspt_BR
dc.subjectIsonomiapt_BR
dc.subjectDemocraciapt_BR
dc.subjectEleiçõespt_BR
dc.subjectParidadept_BR
dc.subjectUniversidadept_BR
dc.titleIsonomia, a mais doce palavrapt_BR
dc.typeArtigo de divulgaçãopt_BR
dc.description.imageA imagem é retirada de uma cena do filme Blade Runner, de Rydley Scott (1982). Uma mulher com o rosto maquiado e um homem estão olhando para a mesma direção. Fonte: Warner Bros./Divulgação. Colorida.pt_BR
dc.description.sectionIdeiaspt_BR
dc.relation.ispartofurihttp://hdl.handle.net/10183/210013pt_BR


Ficheros en el ítem

Thumbnail
   

Este ítem está licenciado en la Creative Commons License

Mostrar el registro sencillo del ítem