Repositório Digital

A- A A+

Predição e comportamento do parto em bovinos da raça Holandesa

.

Predição e comportamento do parto em bovinos da raça Holandesa

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Predição e comportamento do parto em bovinos da raça Holandesa
Outro título Calving prediction and behaviour in dairy cattle
Autor Costa Junior, João Batista Gonçalves
Orientador Barcellos, Julio Otavio Jardim
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Gado holandes
Manejo animal
Parto
Temperatura do corpo
Resumo O foco da pesquisa foi avaliar a temperatura retículo-ruminal (Trr) como um preditor para o parto em novilhas e vacas da raça Holandesa através do teste de desempenho e a curva característica de resposta do observador (curva ROC), metodologias estatísticas utilizadas para predição de eventos, e avaliar o comportamento no processo do parto em vacas e novilhas da raça Holandesa com ênfase no estágio II. Os resultados apresentados nesta tese foram construídos a partir de uma pesquisa realizada na Universidade Estadual do Colorado – Colorado – EUA. No capitulo II foram analisados dados da Trr de 111 novilhas e 150 vacas Holandesas com o objetivo de identificar a Trr como um preditor do parto, definir a melhor base média e Trr para predizer o parto, e identificar alguma diferença na predição do parto entre as categorias estudadas. Os dados foram analisados por meio do PROC MIXED, teste de desempenho e curva ROC. No capítulo III avaliou-se o efeito do sexo e o peso ao nascer dos neonatos no intervalo de tempo durante o estágio II do parto em 82 novilhas e 101 vacas da raça Holandesa. Os dados foram analisados utilizando o PROC MIXED com o tempo como medida reptida no tempo. Os resultados do capítulo II indicaram que a remoção das Trr abaixo de 37,7ºC permitiu melhor precisão para determinar a diferença da Trr entre os dias que antecedem ao parto. De uma forma geral a Trr mostrou ser uma ferramenta útil na predição do início do parto para ambas as categorias estudadas, e o melhor limiar para indicar o início do parto foi de -0,2ºC, independente do modelo avaliado. Entretanto, as metodologias utilizadas para a construção dos modelos de predição possuem maior acurácia em uma categoria que em outra, visto que a queda da Trr é diferente entre os grupos estudados. No capítulo III observou-se que o sexo e o peso ao nascer foram variáveis que não influenciam diretamente no estágio II do parto, entretanto afetaram indiretamente em cada categoria, assim, as estratégias do manejo durante o parto devem ser diferentes entre elas. Conclui-se que a Trr e o conhecimento do processo do parto em bovinos podem ser ferramentas úteis e importantes para auxiliar o produtor de leite na detecção dos problemas durante o parto em bovinos de leite.
Abstract The focus of the research was to evaluate the reticulo-rumen temperature (Trr) as a predictor for delivery in Holstein heifers and cows through performance testing and Receiver operating characteristic (ROC curve), statistical methodologies used for prediction of events, and evaluate the behavior in the calving process in Holstein heifers and cows with emphasis in stage II. Results presented in this thesis were constructed from a research conducted at Colorado State University - Colorado - USA. In chapter II were analyzed data from 111 Holstein heifers and 150 Holstein cows with the aim to identify the Trr as a predictor of calving, to definy the best baseline and Trr to predict calving, and to identify any difference in the prediction calving for both groups. Data were analyzed by PROC MIXED, performance test, and ROC curve. In Chapter II we evaluated the effect of sex and birth weight of newborns in the time range during stage II of parturition in 82 Holstein heifers and 101 Holstein cows. Data were analyzed using the PROC MIXED with time as the repeated measure time. The results of Chapter II indicated that remove of all Trr temperatures below 37.7 °C allowed better accuracy to determine the difference of Trr temperature among days before parturition. Generally, Trr showed to be a useful tool to predicting calving for both groups, and the best threshold was -0.2ºC for each evaluated model. However, the methodologies used to building the prediction models have higher accuracy in an evaluated group then other. In Chapter III observed that calf sex and birth weight were variables that did not affect directly to stage II at calving, but they affected indirectly each studied group, thereby, the management strategies during calving should be different among groups. In conclusion, Trr and knowledge of calving process may be useful and important tools to help dairy producers in detection of calving problems during calving in dairy catlle.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/101502
Arquivos Descrição Formato
000931584.pdf (1.867Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.