Repositório Digital

A- A A+

Do ideal ao possível : The Crazy Car Story : um relato interpretativo de um projeto em língua inglesa na educação infantil

.

Do ideal ao possível : The Crazy Car Story : um relato interpretativo de um projeto em língua inglesa na educação infantil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Do ideal ao possível : The Crazy Car Story : um relato interpretativo de um projeto em língua inglesa na educação infantil
Autor Selbach, Helena Vitalina
Orientador Sarmento, Simone
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Didática
Educação infantil
Ensino e aprendizagem
Estudos da linguagem
Letramento
Língua adicional
Língua inglesa
Lingüística aplicada
Projeto de ensino
[en] Aditional language
[en] Early childhood education
[en] English
[en] Pedagogical projects
Resumo Apresente pesquisa está inserida no contexto de ensino-aprendizagem de Língua Inglesa na Educação Infantil e vincula-se à área de Linguística Aplicada; apresenta o relato interpretativo da construção do projeto didático The crazy car story no nível quatro (com alunos de quatro e cinco anos de idade) de uma turma de Educação Infantil em uma escola regular de ensino privado da região central de Porto Alegre/RS. O projeto The crazy car story foi inspirado nas diretrizes propostas pelos Referenciais Curriculares do Estado do Rio Grande do Sul (RIO GRANDE DO SUL, 2009) e almejou integrar características da pedagogia de projetos Freire (2005), Hernández (2004, 1998), Barbosa (2004) ao uso do material didático utilizado pela escola pesquisada e aos conteúdos e objetivos estipulados pela professora da turma. Os pressupostos teóricos de língua e linguagem (BAKHTIN, 1992[2011]; CLARK, 2000), bem como de aprendizagem na infância (VIGOTSKI, 1984[2007]; CAMERON, 2001[2012]) embasaram a elaboração do projeto. The crazy car story almejou materializar os conceitos de cidadania, ludicidade, publicização e fruição presentes nos documentos oficiais da área das linguagens e da Educação Infantil. Resumidamente, o projeto consistiu na criação de uma história coletiva em língua inglesa que foi materializada em forma de um livro que foi confeccionado pela turma. Ao final, a história coletiva foi publicizada através de sua apresentação, em língua inglesa, por parte da turma que a produziu, a alunos de uma turma de nível dois (de dois a três anos de idade) da mesma escola. Além do relato interpretativo, a pesquisa almeja examinar os momentos em que os conceitos acima parecem ser publicamente sustentados pelas ações dos participantes durante a realização das tarefas propostas. Alinhando-se à metodologia de pesquisa qualitativa/interpretativa, o tipo de investigação realizada possui princípios etnográficos (CAVALCANTI; MOITA LOPES, 1991; ERICKSON, 1990; MASON, 1996). A geração de dados contou com observação participante registrada em diários de campo, gravações audiovisuais das aulas, bem como análise documental, o que contribuiu para uma descrição da ação de ensino-aprendizagem de acordo com a minha interpretação. A análise dos dados sugere que momentos identificáveis de aprendizagem, fruição, ludicidade, cidadania e publicização emergiram durante as aulas.
Abstract This research is broadly situated within the realm of Applied Linguistics and, more particularly, within the debate concerned with the pedagogy of English language in the Early Childhood Education. It aims at providing an interpretive account of the pedagogical project The crazy car story, developed with four and five-year old students in a private school located in the central region of the city of Porto Alegre, RS, Brazil. The project The crazy car story was inspired by the guidelines proposed by Referenciais Curriculares do Estado do Rio Grande do Sul (RIO GRANDE DO SUL, 2009) and it aimed at integrating features of pedagogical projects based on Freire (2005), Hernández (2004, 1998), Barbosa (2004) with the use of the teaching materials used by the school and with the contents and objectives set by the classroom teacher. The foundations of this project are based on the theoretical assumptions of language (BAKHTIN, 1992[2011]; CLARK, 2000) as well as childhood learning (VIGOTSKI, 1984[2007]; CAMERON, 2001[2012]). The crazy car story attempted to ground the concepts of citizenship, ludicity, publicization and fruition as found in the official documents on the field of language and childhood education. The project, in short, consisted of producing a collective story in English, which was then materialized into a book format, built collaboratively by the class. Later, the collective story was publicized through a presentation, in English, from the students who authored it, to young students of another class in the same school. Beyond being an interpretative report, this document aims at examining the moments, during the realization of the proposed tasks, in which the concepts above seem to be publicly sustained by the actions of the students. In line with the qualitative/interpretative research methodology, the type of investigation here performed has ethnographic principles (CAVALCANTI; MOITA LOPES, 1991; ERICKSON, 1990; MASON, 1996). Data was gathered through participative observations registered in field journals, class video recordings, as well as document analysis, which contributed for a description of the teaching-learning corresponding to the author’s interpretation. Data analysis suggests that identifiable moments of learning, citizenship, ludicity, publicization and fruition have indeed emerged during the classes.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/102188
Arquivos Descrição Formato
000930113.pdf (5.003Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.