Repositório Digital

A- A A+

Cantando histórias : a narratividade da canção popular na triologia de Antônio Torres

.

Cantando histórias : a narratividade da canção popular na triologia de Antônio Torres

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Cantando histórias : a narratividade da canção popular na triologia de Antônio Torres
Autor Pinto, Nathalia
Orientador Gomes, Gínia Maria de Oliveira
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Canção popular
Literatura brasileira
Literatura comparada
Literatura e Música
Música popular brasileira
Narrativa
Torres, Antônio 1940-.
[en] Brazilian popular song
[en] Internal migration
[en] Literature and music
Resumo A trilogia de Antônio Torres, formada pelas obras Essa Terra, O cachorro e o lobo e Pelo fundo da agulha, traz em seu corpo um expressivo número de referências musicais. A grande maioria dessas citações apresenta peças da canção popular brasileira que, de forma comparável à trilha sonora em um filme, ajuda a narrar a história. Além disso, essas referências ao universo cancional trazem para a superfície do texto uma série de informações históricas, culturais, sociais e estéticas sobre as personagens, suas trajetórias e os diferentes cenários onde atuam. Em uma narrativa sobre experiência migratória, as canções, manifestação artística amplamente explorada pelos compositores brasileiros para falar sobre esse fenômeno social, servem perfeitamente para ilustrar os diferentes momentos narrados. Para compreender a presença da canção nas obras, o presente trabalho estuda a relação intertextual entre música e literatura e retoma o passado de intersecção entre as artes. A canção na trilogia de Torres é tratada através de sua significação cultural, uma vez que quando uma obra literária evoca a letra de uma canção em seu corpo, uma série de implicações socioculturais vem à tona, o que é provado pela história da canção popular brasileira, pois essa manifestação, no Brasil, tanto quanto a literatura, sempre serviu como modo de entendimento e comentário de um espaço-tempo.
Abstract Antônio Torres‟ trilogy, formed by the works Essa Terra, O cachorro e o lobo and Pelo fundo da agulha contains an expressive number of musical references. Most of these quotations of Brazilian popular songs, just like a film soundtrack, help to narrate the story. These references to the musical universe bring to the text a treasury of historical, cultural, social and aesthetics information about the characters, their trajectories and the different settings where they act. In a novel about the migration experience, the songs, artistic manifestation very explored by Brazilian composers to talk about this social phenomenon, fit perfectly to illustrate the scenes shown by the text. To understand the presence of the songs in the novels, this work aims at studying the intertextual relationship between music and literature and recovering the past of intersection of these art forms. The popular song, in Torres‟s trilogy, is analyzed through its cultural meaning, considering that when a literary work brings excerpts from a song in its body, many cultural implications are brought to the surface of the text. It has been proved by its history that Brazilian popular song enables to understand and to discourse about space and time.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/102619
Arquivos Descrição Formato
000932588.pdf (740.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.