Repositório Digital

A- A A+

Cadeia de produtos orgânicos em cooperativas de consumo de SC e RS

.

Cadeia de produtos orgânicos em cooperativas de consumo de SC e RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Cadeia de produtos orgânicos em cooperativas de consumo de SC e RS
Autor Klein, Adriano Diego
Orientador Schultz, Glauco
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Centro de Estudos e Pesquisas em Agronegócios. Programa de Pós-Graduação em Agronegócios.
Assunto Agronegócio
Alimento orgânico
Cadeia produtiva
Cooperativa agrícola
Rio Grande do Sul
Santa Catarina
[en] Cooperatives
[en] Marketing
[en] Organic
[en] Productive chain
[en] Supply chain
Resumo Os orgânicos apresentam um crescimento em seu consumo nos últimos anos, e apontam para uma perspectiva de continuidade desse evento. Sua cadeia de produção é marcada por uma estrutura heterogênica, rica em modelos de organização e distribuição, com uma ampla gama de diferenciações nos modelos tradicionais. Logo, esse trabalho tem por objetivo buscar uma maior compreensão do funcionamento das cooperativas de consumidores e do ambiente que a cerca. Para isso, foram feitos três estudos de caso em cooperativas de consumidores distintas, em dois Estados diferentes, duas delas localizadas no Rio Grande do Sul, respectivamente, A Teia Ecológica em Pelotas e a Ecotorres em Torres, a terceira cooperativa é a Compras Coletivas Eco Solidárias localizada em Florianópolis, Santa Catarina. Dentro desse cenário, a análise da gestão da cadeia de suprimentos e distribuição se torna uma ferramenta importante para inferir pontos chave para o funcionamento da cadeia e analisar as relações entre agentes. Dessa forma, através de entrevistas semidiretivas, com questionários semiestruturados, se pôde perceber a situação das três cooperativas distintas, realizando-se assim uma comparação entre elas. Portanto, a partir desses estudos de caso, pode-se visualizar o funcionamento das cooperativas e seu trajeto nas cadeias de valor, além da sua relevância no comércio de orgânicos no Brasil.
Abstract The consumption of organics product is growing in recent years, and this fate wil be continuous. The supply chain is heterogenic in these products, and has the presence of rich structure and distribution models, with a wide range of differences in the traditional market models. Therefore, this work wants to understand the functioning of consumer cooperatives and the environment that surrounds it. To prove these points, it was made three case studies in different consumer cooperatives, in two different states, two of them located in Rio Grande do Sul, respectively, a Teia Ecológica in Pelotas and Ecotorres in Torres, the third is the cooperative Cooperativa de Compras Eco Solidárias, located in Florianópolis, Santa Catarina. In this scenario, the analysis of the management of the supply and distribution chain becomes an important tool to infer key points for the functioning of the chain and analyze the relationships between agents. Thus, through semi-directive interviews with semi-structured questionnaires, so, it can be perceive the situation in three different groups, performing a comparison between them. Therefore, from these studies, it can visualize the functioning of cooperatives and their path in value chains, in addition to its relevance in the organic trade in Brazil.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/103370
Arquivos Descrição Formato
000936744.pdf (1.380Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.