Repositório Digital

A- A A+

Pontos marcados na superfície da pele representam os processos espinhosos quando a postura é modificada?

.

Pontos marcados na superfície da pele representam os processos espinhosos quando a postura é modificada?

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Pontos marcados na superfície da pele representam os processos espinhosos quando a postura é modificada?
Outro título Can skin markers represent spinous process when the posture is changed?
Autor Furlanetto, Tássia Silveira
Chaise, Fabiana de Oliveira
Candotti, Cláudia Tarragô
Comerlato, Tatiana
Rocha, André Fernando da
Loss, Jefferson Fagundes
Resumo O objetivo do estudo foi verificar radiograficamente se a posição dos marcadores de superfície, identificados por palpação em ortostase, é alterada com a modificação da postura para o decúbito lateral. Dez indivíduos foram: palpados e marcados com adesivos de superfície, os processos espinhosos das vértebras C7, T2, T4, T6, T8, T10, T12, L2, L4 e S2; submetidos a um exame radiológico da coluna vertebral na posição ortostática e em decúbito lateral direito para verificar se o marcador de superfície colocado sobre o processo espinhoso estava condizente com o processo espinhoso da imagem radiográfica. Uma ANOVA two-way mostrou diferenças significativas para o deslocamento do marcador de superfície entre as posições para as vértebras C7, T2, T4, T6, T8, T10, L2 e S2 (p<0,001). Nas vértebras T12 e L4 não foram encontradas diferenças significativas. Os resultados indicam que a localização do marcador de superfície não foi condizente com o processo espinhoso identificado no exame radiológico, entre as posições. O movimento da pele pode ter deslocado o marcador de superfície, quando o indivíduo modificou sua posição da posição ortostática para decúbito lateral direito.
Abstract The objective was to radiographically verify if the position of skin markers, identified by palpation in orthostasis posture, changes when the subject position shifts to lying posture. Ten subjects underwent two X-ray tests, first, in orthostasis and right lying posture. Ten subjects were palpated and marked with skin markers in the orthostasis posture, in the spinous process of the vertebrae C7, T2, T4, T6, T8, T10, T12, L2, L4 and S2 . After palpation, subjects underwent X-ray exams in orthostasis and lying postures to verify if the surface marker matched the spinous process shown on X-ray. A two-way ANOVA indicated significant differences for the displacement of the skin markers, for the C7, T2, T4, T6, T8, T10, L2 and S2 spinous processes (p<0.001). The T12 and L4 spinous processes did not indicate significant differences. The skin markers locations were not consistent with the spinous processes identified in X-rays for both positions. The skin movement may have displaced the skin markers when the subject changed from orthostasis to lying posture.
Contido em Fisioterapia e pesquisa. São paulo. Vol. 18, n. 2 (abr./jun. 2011), p. 133-138.
Assunto Palpação
Postura
[en] Palpation
[en] Posture
[en] Radiography
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/108617
Arquivos Descrição Formato
000821093.pdf (300.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.