Repositório Digital

A- A A+

A direita radical no Portugual democrático : os rumos após a revolução dos cravos (1974-2012)

.

A direita radical no Portugual democrático : os rumos após a revolução dos cravos (1974-2012)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A direita radical no Portugual democrático : os rumos após a revolução dos cravos (1974-2012)
Autor Almeida, Fábio Chang de
Orientador Brandalise, Carla
Co-orientador Pinto, António Costa
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em História.
Assunto Direita (Ciência política)
História contemporânea
História política
Portugal
Revolução dos cravos
Resumo Esta pesquisa buscou analisar o comportamento da direita radical portuguesa no período compreendido entre a Revolução dos Cravos (1974) e o ano de 2012. Tal delimitação temporal corresponde ao período democrático estabelecido após quarenta e um anos de regime autoritário. A ênfase da pesquisa recaiu sobre dois eixos fundamentais. De um lado, foi abordada a criação de organizações culturais e políticas de direita radical. Por outro, foi analisada a organização de grupos violentos de conotação racista e xenofóbica e sua atuação no período estudado. Também foram analisadas as relações entre as associações de cunho cultural e político com os grupos extremistas violentos. Como exemplo principal de uma organização de direita radical de cunho político, temos o Partido Nacional Renovador (PNR), criado no ano 2000. Como exemplo principal de organização extremista violenta, de caráter xenofóbioco e racista, temos a Portugal Hammerskins (PHS), criada entre 2000 e 2005.
Abstract This study aimed to analyze the behavior of the portuguese radical right in the period between the Carnation Revolution (1974) and the year 2012. Such temporal delimitation corresponds to the democratic period established after forty one years of authoritarian rule. The research emphasizes two main aspects: the creation of radical right cultural and political organizations; and the organization of violent racist and xenophobic groups, and its performance in the studied period. We also sought to analyze the relationship between the cultural and political organizations with violent extremists. As a prime example of a radical right cultural and political organization, we have the National Renewal Party (PNR), created in 2000. As a prime example of the extremist violent and racist group, we have the Portugal Hammerskins (PHS), created between 2000 and 2005.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/114413
Arquivos Descrição Formato
000953077.pdf (6.221Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.