Repositório Digital

A- A A+

Desempenho de diferentes métodos de secagem e seus efeitos sobre a qualidade fisiológica de sementes de sorgo granífero (Sorghum bicolor (L.) Moench)

.

Desempenho de diferentes métodos de secagem e seus efeitos sobre a qualidade fisiológica de sementes de sorgo granífero (Sorghum bicolor (L.) Moench)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desempenho de diferentes métodos de secagem e seus efeitos sobre a qualidade fisiológica de sementes de sorgo granífero (Sorghum bicolor (L.) Moench)
Autor Torres, Miguel Ângelo Peixoto
Orientador Franke, Lucia Brandao
Co-orientador Trein, Carlos Ricardo
Data 2006
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Qualidade
Secagem
Semente : Fisiologia
Sorgo granifero
Resumo O sorgo granífero difere-se das demais espécies forrageiras por ser uma cultura tolerante a ambiente com deficiência hídrica, e ao mesmo tempo ser capaz de apresentar rendimentos satisfatórios com produção de sementes de qualidade. No campo de produção estando as sementes aptas a serem colhidas, encontram-se com teores de umidade muito elevados e pode comprometer esta qualidade. A colheita de sementes realizada em momento oportuno, seguida de imediata secagem permite preservar os seus atributos físicos e fisiológicos. Neste sentido, foi conduzido um experimento com o objetivo de avaliar as co-varíáveis de métodos: velocidade de secagem, qualidade fisiológica e o balanço das fontes energéticas, em sementes colhidas com 18,9%, 18,1% e 18,2% de umidade em Pantano Grande/RS, e submetidas a três métodos de secagem: em eira sob condições naturais, secador intermitente equipado com fornalha de combustão à lenha e secador estacionário com fundo falso perfurado equipado com queimado a gás, respectivamente, na região da Depressão Central do RS (LAS/UFRGS em Porto Alegre; Engenho Moinhos em Pantano Grande e EEA/UFRGS em Eldorado do Sul). O delineamento experimental utilizado foi o completamente casualizado com 25 repetições. As variáveis estudadas, através de amostragens realizadas foram: pureza; peso de mil sementes; umidade; germinação; primeira contagem e índice de velocidade de germinação. O custo de energia térmica e elétrica, verificados através do balanço energético, foram acompanhados durante todo o processo de secagem. Conclui-se que: 1) a velocidade de secagem interfere na qualidade fisiológica das sementes de sorgo granífero, sendo que as maiores velocidades de secagem foram verificadas nos métodos à lenha e a gás, e entre estes, o que apresentou melhor resultado em termos fisiológicos foi à lenha em função da relação de intermitência 2) a velocidade de secagem em condições naturais foi influenciada pela baixa energia calorífica, determinando lenta dessorção, 3) o uso de temperaturas acima do recomendado reduz a qualidade fisiológica das sementes de sorgo, 4) o resultado do balanço energético demonstrou que a secagem com ambiente natural é a mais barata, mas com baixa eficiência; a secagem à lenha apresentou o custo mais elevado mais foi o mais eficiente, e a secagem a gás apresentou menor demanda de energia do que a lenha.
Abstract The grain sorghum is different from other forage species because it tolerates water-stressed environments, and at the same time it is able to show a satisfactory performances for production of quality seed. Under field conditions, the seed moisture content levels are very high, what may compromise seed quality. Harvesting at the right time and followed by immediate drying, allows to keep the seed quality and yield. In this sense, an experiment aiming to evaluate the methods co-variables: drying speed, physiological quality and balance of energetic sources in seeds harvested with 18.9%, 18.1% and 18.2% of moisture content, in Pantano Grande/RS, submitted to three methods: natural conditions, a dryer supplied with a firewood combustion furnace and a fixed dryer with false leaky bottom with butane gas burning at the region of Depressão Central/RS (LAS/UFRGS in Porto Alegre, Engenho Moinhos in Pantano Grande and EEA/UFRGS in Eldorado do Sul). The experimental design used was a completely randomized with 25 repetitions. Seed physiological attributes: purity, thousand seed weight, moisture content, germination rate were evaluated. The costs of energy, thermal and electrical, verified through the balance of energetic sources were both observed during all the drying processes. The conclusions are: 1) the drying speed interferes on physiological quality of sorghum seeds and the higher drying speed were achieved with firewood and butane gas drying methods. Between these methods, the best result in physiological terms was firewood, because of intermittence; 2) under natural conditions, the seed drying process was influenced by the low calorific energy, determining the slow dehydration process; 3) the use of temperatures higher than the recommended results in lower physiological quality of sorghum seeds; 4) the result of balance of energetic source demonstrates that drying under natural conditions drying is cheaper but has a low efficiency; firewood drying was the most expensive method and also the most efficient; and butane gas drying required less energy than firewood.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/11858
Arquivos Descrição Formato
000618599.pdf (691.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.