Repositório Digital

A- A A+

Efeitos de isolados de bactérias fluorescentes em cultivares de arroz irrigado

.

Efeitos de isolados de bactérias fluorescentes em cultivares de arroz irrigado

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeitos de isolados de bactérias fluorescentes em cultivares de arroz irrigado
Outro título Effects of isolates of fluorescent bacteria in irrigated rice cultivars
Autor Taunous, Isolina Dipp
Orientador Duarte, Valmir
Data 1993
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Agronomia. Curso de Pós-Graduação em Fitotecnia.
Assunto Arroz irrigado : Comportamento de variedade : Inoculacao : Bacteria patogenica
Arroz irrigado : Mancha bacteriana : Doenca de planta : Hospedeiro : Colmo : Folha : Analise : Germinacao : Poder germinativo : Semente
Resumo Com o objetivo de verificar a ocorrência de bactérias fitopatogênicas em plantas de arroz, bactérias fluorescentes (Bf1, Bf2, Bf3) foram isoladas de sementes em meio B de King semi-seletivo. Os isolados que induziram reação de hipersensibilidade em fume foram inoculados em arroz. Nas folhas e colmos de arroz, os isolados induziram lesões necróticas, de coloraçao cinza, alongadas, com bordas de cor castanha-escura. O efeito destes isolados bacterianos em plantas de sete cultivares de arroz foi testado através da inoculação de colmos e folhas, 21 dias apos a emergência, em casa-de-vegetação. Independente da cultivar ou do ponto da inoculação, todos os isolados induziram a formação de lesões. Baseado no comprimento de lesão e percentagem de plantas com sintomas, o isolado Bf1 foi considerado o mais virulento. Não houve diferença nas reações entre as cultivares. A campo, oito cultivares de arroz foram semeadas em outubro e dezembro de 1992. A inoculação do colma com suspensão bacteriana (isolado Bf1) aumentou espiguetas estéreis e manchas nas glumas, reduziu poder germinativo, peso de mil sementes e numero de grãos inteiros. Plantas das cultivares BR-IRGA 414 e El Paso 144 apresentaram maior grau de manchamento das glumas do que as plantas das cultivares El Paso 48 e Bluebelle, quando colhidas das parcelas semeadas em outubro.
Abstract In order to verify the occurrence of phytopathogenic bacteria in rice plants, fluorescent bacteria (Bf1, Bf2, Bf3) were isolated from seeds in semiselective King'B medium. Isolates that induced tobacco hypersensitivity reaction were inoculated in rice. In rice leaves and stems, the isolates caused elongated gray blotches and necrosis lesions sourrounded by an brownish-black border. The effect of this bacterial isolates in plants of seven rice cultivars was tested through the stems and leaves inoculation, 21 days after the emergence, in greenhouse. Regardless of cultivar or inoculation site, all isolates induced lesions formation. Based on lesion lenght and percentage of plants with symptoms, the isolate Bfl was considered the most virulent. No differences of reaction were found among cultivars. In the field, eight rice cuI ti vars were sowed in October and December, 1992. Stem inoculation with bacterial suspension (isolate Bf1) increased sterile spike lets and blotch on the glumes, decreased seed viability, lOOO-seed weight and number of whole grains. Plants of the cultivars BR-IRGA 414 and El Paso 144 showed higher blotching grade of glumes than plants of the cultivars El Paso 48 and Bluebelle, when harvested from plots sowed in October.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/119374
Arquivos Descrição Formato
000168922.pdf (9.696Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.