Repositório Digital

A- A A+

Emissão de metano e comportamento ingestivo de bovinos de corte em pastagem natural com diferentes níveis de intensificação

.

Emissão de metano e comportamento ingestivo de bovinos de corte em pastagem natural com diferentes níveis de intensificação

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Emissão de metano e comportamento ingestivo de bovinos de corte em pastagem natural com diferentes níveis de intensificação
Outro título Methane emission and feeding behaviour of beef cattle in natural grassland with different intensification levels
Autor Faria, Bruna Moscat de
Orientador Prates, Enio Rosa
Co-orientador Barcellos, Julio Otavio Jardim
Genro, Teresa Cristina Moraes
Data 2015
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Bioma Pampa
Comportamento animal
Desempenho animal
Metano
Novilho de corte
[en] Displacement
[en] Greenhouse gas
[en] N-alkanes
[en] Pampa biome
[en] Performance
[en] Sulfur hexafluoride
Resumo O estudo foi realizado em área pertencente a Embrapa Pecuária Sul, Bagé, RS, com o objetivo de avaliar a emissão de metano, consumo a pasto, desempenho, e comportamento ingestivo de novilhos de corte em pastagem natural (CN), pastagem natural fertilizada com nitrogênio (CNA) e pastagem natural fertilizada com nitrogênio e sobressemeada com Lolium multiflorum e Trifolium pratense (CNM). O delineamento foi inteiramente casualizado com três repetições. Foram utilizados novilhos da raça Hereford em pastoreio contínuo com lotação variável para atingir oferta diária forragem de 12 kg MS 100 kg PV-1 (12% PV). Para o primeiro artigo, as avaliações foram feitas no verão, outono, inverno e primavera de 2013. As emissões de metano foram estimadas pela técnica do gás marcador hexafluoreto de enxofre. Para avaliação do consumo foi utilizada a técnica dos n-alcanos. Para o segundo artigo, avaliações com GPS foram feitas na primavera de 2013, outono e primavera de 2014. A localização e o deslocamento dos animais foram registrados, e avaliações visuais das atividades dos animais foram feitas a cada 10 minutos, do nascer ao pôr-do-sol, durante dois dias consecutivos em cada época. Os animais apresentaram bom desempenho ao longo do ano, com ganhos médios diários de 0,272, 0,467 e 0,514 kg para os tratamentos CN, CNA e CNM, respectivamente. As maiores emissões de metano foram durante a primavera. O CN apresentou maior quantidade de metano emitida por kg de ganho de peso (577,94, 337,69 e 387,18 g CH4 kg GPV-1 para o CN, CNA e CNM, respectivamente). Animais em CN passaram mais tempo em atividade de pastejo do que aqueles em CNA e CNM. Durante as épocas, menor atividade de pastejo foi na primavera de 2013 em comparação com outono de 2014 e primavera de 2014. Para as variáveis tempo em ruminação e em outras atividades não houve diferença nem para tratamentos nem para época de avaliação. Para o deslocamento, não houve diferença entre os tratamentos, entretanto houve efeito para as estações avaliadas, onde os animais caminharam menos no outono de 2014 comparado a primavera de 2013 e 2014. As estações do ano afetaram mais o consumo de MS e a emissão de metano que os níveis de intensificação. No entanto, considerando o desempenho dos animais, a inclusão de insumos permite menor emissão de metano por quilo de ganho de peso.
Abstract The study was conducted in an area of Embrapa Southern Region Animal Husbandry, Bagé, Rio Grande do Sul, Brazil, in order to assess the methane emission, forage intake, performance, and feeding behaviour of beef steers in natural grassland (NG), natural grassland fertilized with nitrogen (NGF) and natural grassland fertilized with nitrogen and oversown with exotic cool season species Lolium multiflorum and Trifolium pratense (NGFS). The design was completely randomized design with three replications. Hereford steers were used in continuous grazing with variable stocking rate to achieve daily supply of 12 kg DM 100 kg LW-1 (12% PV). For the first paper, evaluations were made in the summer, fall, winter and spring of 2013. Methane emissions were estimated by sulfur hexafluoride tracer gas technique. To evaluate the dry matter intake was used the n-alkanes technique. For the second paper, evaluations with GPS were made in spring 2013, fall and spring 2014. The location and the movement of animals have been recorded, and visual assessments of animal activities were made every 10 minutes, from sunrise to sunset, for two consecutive days in each season. Animals showed a good performance throughout the year, with average daily gain of 0.272, 0.467 and 0.514 kg for NG, NGF and NGFS treatments, respectively. The highest methane emissions were during spring. The NG presented a higher amount of methane emitted per kg of weight gain (577.94, 337.69 and 387.18 g CH4 kg BWG-1 to NG, NGF and NGFS, respectively). Animals in NG spent more time in grazing activity (71%) than those in NGF (63%) and NGFS (64%). During seasons, less grazing activity was in the spring of 2013 (62%) compared with fall 2014 (67%) and spring 2014 (68%). For the variables time ruminating and in other activities there was no difference either for treatments or for season. For displacement, there was no difference between treatments, however was effect on the seasons evaluated, where the animals walked less in the fall of 2014 compared to the spring of 2013 and 2014. The seasons affected more DM intake and methane emissions that intensification levels. However, considering the animals performance, the inclusion of inputs allows lower methane emissions per kilogram of weight gain.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/129013
Arquivos Descrição Formato
000976331.pdf (1.550Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.