Repositório Digital

A- A A+

Produção de forragem de capim-elefante sob clima frio : curva de crescimento e valor nutritivo

.

Produção de forragem de capim-elefante sob clima frio : curva de crescimento e valor nutritivo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Produção de forragem de capim-elefante sob clima frio : curva de crescimento e valor nutritivo
Autor Dall'Agnol, Miguel
Scheffer-Basso, Simone Meredith
Nascimento, Joao Antonio Lopes do
Silveira, Carlos Alberto Miranda
Fischer, Ricardo Guilherme
Resumo Objetivou-se quantificar a produção e o valor nutritivo do capim-elefante (cv. Cameroon), em Lages, Santa Catarina, identificando possíveis limitações à sua utilização e demonstrando sua viabilidade na região. O ensaio foi conduzido entre 1982 e 1985, no qual o capim-elefante foi estabelecido em parcelas, dispostas em delineamento de blocos ao acaso. Os tratamentos constaram da soma dos dias de crescimento até o momento dos cortes, a fim de se estabelecer a curva de crescimento. A produção de massa seca (MS) acumulada foi avaliada a partir do 42o dia após o corte de uniformização, sendo que as parcelas foram cortadas em seqüência, a cada 21 dias, até completarem 210 dias de crescimento, respeitando-se um resíduo de 50 cm. A capacidade de rebrotação dentro do período também foi avaliada a cada 21 dias. Os dados foram submetidos a análises de variância e de regressão. O acúmulo de massa seca do capim-elefante foi significativamente dependente dos dias de crescimento, com taxas de 185 e 65 kg/ha/dia de MS, em 1983/84 e 1984/85, respectivamente. No primeiro período, obtiveram-se aos 210 dias 31.132 kg/ha de MS, sendo 3.310 kg/ha de MS aos 63 dias iniciais. Em 1984/85, as plantas acumularam o equivalente a um terço da MS obtida no ano anterior, provavelmente por problemas nutricionais e déficit hídrico. Na avaliação das rebrotações, as maiores produções foram obtidas com plantas de 42 (1.149 kg MS/ha) e 63 dias (1.259 kg/ha de MS). Na média dos dois períodos, foram obtidos até 20% de PB e 65% de DIVMS. Apesar do clima frio, o capim-elefante é uma alternativa viável como forrageira para o Planalto Catarinense.
Abstract This work aimed to quantify the yield and nutritive value of elephantgrass (cv. Cameroon), in Lages, Santa Catarina, with the objective to identify possible limitations to its production and to show its viability in the region. The trial was carried out from 1982 to 1985, when the elephantgrass was established in plots in a complete block design. The treatments were the sum of growing days up to the evaluation day, in order to establish a growth curve. The accumulated dry matter (DM) started 42 days after an uniformization cut and the plots were cut in sequence every 21 days, up to complete 210 days of growth, always leaving a 50 cm stubble. The regrowth ability in each period was also evaluated every 21 days. Data were submitted to variance and regression analyses. The elephantgrass dry matter accumulation was significantly dependent of days of growth, showing growth rates of 185 and 65 kg DM/ha/day on 1983/84 and 1984/85, respectively. In the first growing period, it was obtained 31,132 kg DM/ha with 210 days of growth and 3,310 kg DM/ha in the first 63 days of growth. In 1984/85, the plants accumulated about one-third of that obtained in the previous year, probably due to nutritional problems and to a drought spell. In the regrowth evaluations, the highest yields were obtained with plants growing for 42 (1,149 kg DM/ha) and 63 days (1,259 kg DM/ha). The two years average of crude protein and in vitro dry matter digestibility was 20% and 65%, respectively. Although the cold climate, the elephantgrass is a viable alternative for the Santa Catarina highlands.
Contido em Revista brasileira de zootecnia= Brazilian journal of animal science, Viçosa. vol.33, n.5 (2004), p.1110-1117
Assunto Forragem
[en] Cameroon
[en] IVDMD
[en] protein
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/129263
Arquivos Descrição Formato
000555106.pdf (57.65Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.