Repositório Digital

A- A A+

Da agulha ao chip : brevíssima revisão dos estudos de recepção

.

Da agulha ao chip : brevíssima revisão dos estudos de recepção

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Da agulha ao chip : brevíssima revisão dos estudos de recepção
Autor Jacks, Nilda Aparecida
Resumo Este texto retoma a passos largos a trajetória dos estudos de recepção para apontar o caráter sempre narrativo das teorias, dependendo do ponto de vista de quem narra. São vinculações teóricas e ideológicas que resultam em modos diferentes de conceber a história do campo, com inclusões e exclusões diferenciadas de teorias e correntes, que variam de autor para autor ao longo do tempo. São indicadas nomenclaturas que entraram em vigor no campo desde que este inaugurou suas atividades nos anos iniciais do século passado, fator crítico neste momento de transição do estatuto do receptor, que em muitos momentos torna-se produtor, um receptor-produtor. Algumas críticas sobre o alcance dos estudos de recepção para entender os processos comunicacionais contemporâneos, que atingem um alto grau de complexidade, são apresentadas. O estudo é concluído com algumas possibilidades de enfrentamento analítico que surgem a partir da própria tradição dos estudos de recepção ancorados nos estudos culturais, com possíveis arranjos com os estudos ciberculturais.
Abstract This study reviews the trajectory of reception studies to point out the narrative character of such theories, depending on the point of view of the narrator. There are theoretical and ideological linkages, which result in different ways of conceiving the history of the field, with distinctive inclusions and exclusions of theories and trends that vary from author to author over time. Nomenclatures which entered the field from the the beginning of its activities, in the early years of the last century are indicated – a critical factor in this moment of transition of the status of the receptor, which, in many cases, becomes a producer, a producer-receiver. We present some of the criticism regarding the scope of reception studies to understand the contemporary communication processes, which have reached a high degree of complexity. The study is closed with some possibilities of analytical confrontation that arise from the very tradition of the reception studies anchored in cultural studies, with possible arrangements with cybercultural studies.
Contido em Intexto. Porto Alegre. N. 34 (set./dez. 2015), p. 236-254
Assunto Estudos de recepção
[en] Communication theory
[en] Cultural Studies
[en] Reception studies
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/132008
Arquivos Descrição Formato
000981930.pdf (1.019Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.