Repositório Digital

A- A A+

Multifuncionalidade e etnoecologia dos quintais de agricultores tradicionais da baixada cuiabana : agrobiodiversidade e segurança alimentar

.

Multifuncionalidade e etnoecologia dos quintais de agricultores tradicionais da baixada cuiabana : agrobiodiversidade e segurança alimentar

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Multifuncionalidade e etnoecologia dos quintais de agricultores tradicionais da baixada cuiabana : agrobiodiversidade e segurança alimentar
Autor Amaral, Cleomara Nunes do
Orientador Coelho-de-Souza, Gabriela
Co-orientador Souza, Marcelino de
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Rural.
Assunto Biodiversidade
Desenvolvimento rural
Etnoecologia
Segurança alimentar
[en] Agrobiodiversity
[en] Food security
[en] Homegardens
[en] Traditional farmers
Resumo Diante das recentes modificações impostas pelo avanço da fronteira agrícola sobre o rural do estado de Mato Grosso, a Baixada Cuiabana se constitui em um território onde convivem processos de urbanização, de expansão da agricultura mecanizada e de agricultura tradicional. Estas novas dinâmicas implementadas, desde a década de 1970, levaram a transformações nos modos de vida dos agricultores tradicionais, tais como a procura por empregos não agrícolas por jovens e adultos do gênero masculino, diminuição do manejo das roças e implementação de farinheiras de mandioca comunitárias. Neste contexto, os quintais se tornam os últimos espaços de manejo da agrobiodiversidade. O objetivo desta tese é analisar a multifuncionalidade dos quintais manejados por agricultores tradicionais, especialmente quanto ao seu papel para a conservação da agrobiodiversidade, segurança alimentar e manutenção dos modos de vida. Foram visitados 90 quintais do município de Jangada para a coleta de dados socioeconômicos, etnoecológicos, de consumo alimentar e produção dos quintais para autoconsumo e venda de excedentes. O quintal está intimamente associado à cultura e tradição cuiabana, sendo o espaço de manejo da mulher agricultora que desempenha um papel central nos modos de vida das famílias cuiabanas. Destacam-se as festas religiosas, as benzeções, a fabricação tradicional da farinha, as quais fortalecem os modos de vida. A produção para o autoconsumo proporciona aos agricultores uma complementação da renda familiar, e para muitos significa a única fonte de frutas, verduras e legumes, o que garante ao menos parcialmente a segurança alimentar das famílias. Os quintais tradicionais de Jangada mantém reservatórios de agrobiodiversidade, representada por 136 etnoespécies, entre nativas e exóticas, com variedades agrícolas locais e comerciais, que conjuntamente com os espaços de roça e do cerrado compõem uma matriz permeável à rica fauna silvestre que circula localmente. A partir das múltiplas funções exercidas pelos quintais sugere-se a implementação de programas de fomento aos quintais, organização das mulheres e incentivos à permanência dos jovens no rural como forma de fortalecer os modos de vida dos agricultores tradicionais cuiabanos.
Abstract About the recent changes imposed by the advance of agricultural frontier on Mato Grosso state, the Baixada Cuiabana constitutes a territory where living processes of urbanization, expansion of mechanized agriculture and traditional agriculture. These new dynamics implemented since the 1970s have led to changes in lifestyles of traditional farmers, such as the demand for non-agricultural jobs to youth and adult males, decreased management of the gardens and implementation of community farinheiras. In this context, the yards become the latest management areas agrobiodiversity. The objective of this thesis is to analyze the multi-functionality of the homegardens handled by traditional farmers, especially about its role on biodiversity preservation, food security and maintenance of livelihoods. Were visited 90 yards of Jangada municipality to collect socioeconomic data, ethno-ecological, food consumption and production of homegardens for consumption and sale of surplus. The homegardens is closely linked to culture and tradition cuiabana, and the management space of women farmers that plays a central role in the livelihoods of cuiabanas families. There are the religious festivals, the benzeções, the traditional manufacture of flour, which strengthen livelihoods. The production for self offers farmers a supplement family income, and for many means the only source of fruits and vegetables, which guarantees at least partially to household food security. Traditional homegardens raft keeps agricultural biodiversity reservoirs, represented by 136 ethnospecies between native and exotic, with local commercial and agricultural varieties, which together with the spaces of fields and cerrado comprise a permeable matrix to the rich wildlife circulating locally. From the multiple functions carried out by homegardens suggest the implementation of incentive programs, women organization and incentives to young people stay in rural as a way to strengthen the livelihoods of traditional cuiabanos farmers.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/132887
Arquivos Descrição Formato
000980429.pdf (6.043Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.