Repositório Digital

A- A A+

Esporte, homossexualidade e amizade : estudo etnográfico sobre o associativismo no futsal feminino

.

Esporte, homossexualidade e amizade : estudo etnográfico sobre o associativismo no futsal feminino

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Esporte, homossexualidade e amizade : estudo etnográfico sobre o associativismo no futsal feminino
Outro título Sport, homosexuality and friendship : ethnografic study on associativism in women futsal
Outro título Deporte, homosexualidad y amistad : estudio etnográfico sobre el asociativismo en el futsal femenino
Autor Silveira, Raquel da
Orientador Stigger, Marco Paulo
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano.
Assunto Futebol de salão
Homossexualidade
Lazer
Mulheres
[en] Friendship
[en] Gender
[en] Homosexuality
[en] Leisure
[en] Sport
[en] Women
[es] Amistad
[es] Deporte
[es] Género
[es] Homosexualidad
[es] Mujeres
[es] Recreación
Resumo Neste estudo, me propus a discutir o associativismo esportivo de mulheres em esportes que são ditos masculinos. Para tanto, optei em fazer uma investigação etnográfica em um time de futsal feminino da cidade de Porto Alegre. Realizei 51 idas a campo (treinos, jogos oficiais e atividades extraquadra) e dezessete entrevistas. A equipe investigada era formada por dezessete jogadoras, um técnico e sete pessoas que a acompanham sistematicamente. As praticantes, com idades entre dezesseis a 41 anos, tinham características sócio-econômicas heterogêneas. Como o associativismo é um conceito que remete à sociação de pessoas para determinado fim, surgiu-me um questionamento: como e porque mulheres se associam para praticar um esporte socialmente considerado masculino? Constatei, então, a partir das observações feitas, que três aspectos eram os principais para que o associativismo estudado fosse mantido, a saber: o esporte, a homossexualidade e a amizade. O esporte, nesse time, apresentava características muitas vezes vistas como opostas, mas que nele se tornaram complementares: brincadeira e seriedade; lazer e trabalho, utilidade lúdica e utilidade pública, valor de uso e valor de troca. Em relação à categoria “homossexualidade”, identifiquei três aspectos importantes: o gerenciamento da visibilidade da opção homossexual por parte das pesquisadas dentro e fora do universo do futsal; um tipo de feminilidade sendo objeto de distinção entre a equipe investigada e outras equipes da grande Porto Alegre; o futsal como um espaço de lazer para as mulheres homossexuais em questão. Na discussão da categoria amizade, realizei uma análise que mostrou aproximações e distanciamentos das informações obtidas nesta pesquisa com estudos do campo da filosofia, com foco nesse tema. Verifiquei, ainda, que as relações de amizade nesse time eram duradouras, e, em certa medida, proporcionam uma ascese aos indivíduos. Para finalizar, destaquei que a principal contribuição trazida por este estudo foi a riqueza das informações empíricas – obtidas através da etnografia – que tiveram a capacidade não só de surpreender como, também, de desestabilizar saberes, muitas vezes, nem questionados.
Abstract In this study I intended to discuss the sports associativism of women in so-called men sports. Therefore, I chose to make an ethnographic investigation on a women’s futsal team of the city of Porto Alegre. l performed 51 field trips (training sessions, official matches and off-court activities) and 17 interviews. The investigated group was formed by 17 players, 1 coach and 7 people who systematically follow the team. The practitioners, ages between 16 and 41, had heterogeneous socioeconomic characteristics. Since associativism is a concept related to the association of people for a certain end, a question arose to me: how and why do women associate to practice a sport socially considered to be masculine? From the observation I discovered that three main aspects maintain the studied associativism, namely: sport, homosexuality and friendship. The sport, in this team, presented characteristics that many times are seen as opposite, but are complementary in this case: play and seriousness; leisure and work; public use and ludic use; use value and trade value. In relation to the category “homosexuality” I could identify three important aspects: the management of the visibility of the sexual orientation on the part of the researched team in and out of the futsal universe; a kind of femininity as object of distinction among the investigated team and other teams of the Great Porto Alegre; the futsal as a space of leisure for the homosexual women at issue. In the discussion of the category “friendship”, I made an analysis that showed approximations and separations of the information obtained by the research with studies on the field of philosophy, focusing on this subject. I also verified that the relations of friendship in this team are lasting, and in a certain way provide an ascesis to the individual. In conclusion I highlighted that the main contribution made by this study was the value of the empirical information – obtained through ethnography – that not only surprised but also challenged knowledges that many times are not questioned.
Resumen En este estudio, me propuse discutir el asociativismo deportivo de mujeres en deportes que son dichos masculinos. Para tanto, opte en hacer una investigación etnográfica en un equipo de futsal femenino de la ciudad de Porto Alegre. Realice 51 idas a campo (entrenamientos, juegos oficiales y actividades extra-cancha) y 17 entrevistas. El equipo investigado era formado por 17 jugadoras, un técnico y siete personas que lo acompañan sistematicamente. Las practicantes, con edades entre 16 a 41 años, tenían características socio-económicas heterogéneas. Como el asociativismo es un concepto que remete a la asociación de personas para determinado fin, me surgió un cuestionamiento: como y porque mujeres se asocian para practicar un deporte socialmente considerado masculino? Constate, entonces, a partir de las observaciones hechas, que tres aspectos eran los principales para que el asociativismo estudiado fuese mantenido, a saber: el deporte, la homosexualidad y la amistad. El deporte, en ese equipo, presentaba características muchas veces vistas como opuestas, pero que en el tornaronse complementares: juego y seriedad; recreación y trabajo, utilidad lúdica e utilidad pública, valor de uso y valor de cambio. En relación a la categoria “homosexualidad”, identifique tres aspectos importantes: el gerenciamiento de la visibilidad de la opción homosexual por parte de las investigadas dentro y fuera del universo del futsal; un tipo de feminidad siendo objeto de distinción entre el equipo investigado y otras equipes de la gran Porto Alegre; el futsal como un espacio de recreación para las mujeres homosexuales en cuestión. En la discusión de la categoria amistad, realice una análisis que mostró aproximaciones y distanciamientos de las informaciones obtenidas en esta investigación con estudios del campo de la filosofía, con foco en ese tema. Verifique, aún, que las relaciones de amistad en ese equipo eran duradoras, y, en cierta medida, proporcionan una ascese a los individuos. Para finalizar, destaque que la principal contribución traida por este estudio fue la riqueza de las informaciones empíricas – obtenidas a través de la etnografía – que tuvieron la capacidad no solo de sorprender como, también, de desestabilizar saberes, muchas veces, ni cuestionados.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/13800
Arquivos Descrição Formato
000655208.pdf (3.477Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.