Repositório Digital

A- A A+

O treino dos fundamentos técnico-desportivos dos atletas de basquetebol infantil e infanto-juvenil : um estudo descritivo-exploratório

.

O treino dos fundamentos técnico-desportivos dos atletas de basquetebol infantil e infanto-juvenil : um estudo descritivo-exploratório

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O treino dos fundamentos técnico-desportivos dos atletas de basquetebol infantil e infanto-juvenil : um estudo descritivo-exploratório
Autor Gonzalez, Ricardo Hugo
Orientador Balbinotti, Carlos Adelar Abaide
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano.
Assunto Basquetebol
Educação física e treinamento
Esportes : Educação
Treinamento esportivo
[en] Basketball
[en] Pedagogy
[en] Technical-sport training
Resumo O tema do presente estudo trata do treinamento técnico-desportivo de atletas de basquetebol infantil e infanto-juvenil, na área da Pedagogia do Treinamento Desportivo. Este estudo caracteriza-se pelo delineamento Ex-Post-Facto, do tipo descritivo-exploratório. O objetivo geral da pesquisa foi verificar qual a freqüência de treinamento dos principais fundamentos técnico-desportivos do basquetebol. Os objetivos específicos da pesquisa foram: a) identificar as diferenças estatisticamente significativas (p < 0,05) entre sexos; b) identificar as diferenças estatisticamente significativas (p < 0,05) entre as categorias infantil e infanto-juvenil. A amostra o foi constituída por 562 basquetebolistas, sendo 289 masculinos e 273 femininos, que participam das competições institucionalizadas do Estado de Santa Catarina. Para tanto, foi aplicado o Inventário do Treinamento Técnico-Desportivo de Basquetebol (ITTB-50; GONZALEZ et al. 2007). Constatou-se que o fundamento técnico-desportivo do basquetebol treinado com maior freqüência, na faixa etária de 13 a 16 anos, foi o Arremesso (1º); indissociável estatisticamente (p> 0,05) com o Drible (2º). Segue-se a eles: Passe (3º); Marcação (4º); e Rebote (5º). Com relação às variáveis controladas, constatou-se que o fundamento técnico-desportivo treinado com maior freqüência no sexo masculino foi o Drible (1º); seguido, respectivamente, pelo Arremesso (2º); Passe (3º); Marcação (4º); e Rebote (5º). Entre as meninas, o fundamento técnico-desportivo treinado com maior freqüência foi o Arremesso (1º); seguido, respectivamente, pelo Drible (2º); Passe (3º); Marcação (4º); e Rebote (5º). Nenhuma diferença significativa (p < 0,05) foi encontrada, na freqüência de treinamento entre “sexo”. Os atletas de basquetebol da categoria infantil (13 e 14 anos) treinam com maior freqüência os fundamentos “Arremesso e Drible”, indissociáveis estatisticamente ( p > 0,05), seguido respectivamente, pelo Passe (3º); Marcação (4º); e Rebote (5º). Na categoria “infanto-juvenil” (15 e 16 anos), o fundamento técnico-desportivo treinado com maior freqüência é o Arremesso (1º); seguido respectivamente, pela “Marcação e Drible” indissociável estatisticamente (p>0,05), seguidos pelo Passe (4º); e Rebote (5º). Ao compararmos as diferenças estatisticamente significativas (p > 0,05) entre as categorias “infantil e infanto-juvenil”, constatouse que o Arremesso, o Rebote e a Marcação são significativamente (p > 0,05) mais treinados pelos atletas de basquetebol infanto-juvenil (15 e 16 anos). Recomenda-se que sejam realizados novos estudos, nos quais podem ser associadas outras variáveis, visando a aprofundar os conhecimentos sobre Pedagogia do Treinamento Técnico-Desportivo de basquetebol.
Abstract This study is about technical-sport training of young and kids categories in basketball to the area of Pedagogy of Sportive Training. It has an ex-post-facto line, that is, an exploratory and descriptive kind. The aim is to check the frequency of training of the main technical-sport principles in basketball. The specific aims are: a) identify the meaningful differences (p>0,05) between genres; b) identify the meaningful differences (p<0,05) between kids and young categories. The sample was made up of 562 basketball players – 289 male and 273 female – that participated in competitions in the state of Santa Catarina. Therefore, the Sport-Technical Training of Basketball list was used (ITTB-59; GONZALEZ et al. 2007). We noticed that the technical-sport trained more frequently (ages 13 to 16 years old) was Shooting (1st); statistically close (p>0,05) to Dribling (2nd). Following, we found: Passing (3rd); Marcação (4th); and Rebound (5th). We noticed that the ‘Dribling’ was the technical-sportive fundament most trained (1st); following Shooting (2nd); Passing (3rd); Defense (4th) and Rebound (5th). For girls, the technical-sport fundament trained more frequently was Shooting (1st); then Dribling (2nd); Passing (3rd); Defense (4th); and Rebound (5th). It wasn’t found any meaningful difference (p<0,05) in the frequency of training between ‘genre’. The category Kids (13 to 14 years old) trains more often “Shooting and Dribling”, that are statistically close (p>0,05), then Passing (3rd); Defense (4th); and Rebound (5th). In the category ‘young’ (15 to 16 years old), the technical-sport fundament trained more frequently is the Shooting (1st); then “Defense and Dribling”, statistically close (p>0,05), followed by Passing (4th); Rebound (5th). Comparing the statistically meaningful differences (p>0,05) between both categories, we observed that Shooting, Rebound and Defense are meaningfully (p>0,05) more trained by the category ‘young’ (15 to 16 years old). Other studies are recommended to be done, which can be linked with other variables in order to go deeper into knowledge about Pedagogy of Technical-sport Training in Basketball.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/13803
Arquivos Descrição Formato
000655235.pdf (528.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.