Repositório Digital

A- A A+

Vou colocar a carta nos correios! a cultura escrita na Educação Infantil: dos materiais às ações das crianças e professoras

.

Vou colocar a carta nos correios! a cultura escrita na Educação Infantil: dos materiais às ações das crianças e professoras

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Vou colocar a carta nos correios! a cultura escrita na Educação Infantil: dos materiais às ações das crianças e professoras
Autor Griebler, Lívia
Orientador Albuquerque, Simone Santos de
Data 2015
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Curso de Pedagogia: Licenciatura.
Assunto Alfabetização
Educação infantil
Resumo Este Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) parte do princípio de que a linguagem escrita é um produto da cultura escrita (BAPTISTA, 2010; BRITTO, 2012; FERREIRO, 2007); esta faz parte da vida das crianças desde que nascem. Por essa razão, esta pesquisa busca investigar e refletir sobre como, no ambiente de referência do cotidiano da Educação Infantil – a sala de convívio das crianças –, são ofertadas experiências com a cultura escrita. Trata-se de uma investigação de abordagem qualitativa – o estudo de caso. Os dados foram levantados por meio de observações em duas turmas de Educação Infantil, bem como de entrevistas semiestruturadas com as professoras dessas turmas. Os referenciais teóricos que subsidiaram esta investigação foram principalmente: Forneiro (1998), no que se refere aos conceitos de espaço e ambiente; Teberosky e Colomer (2003), ao problematizar a sala – e seus materiais – enquanto ambiente de cultura escrita; Augusto (2011), Kaercher (2015), e Teberosky e Colomer (2003), ao problematizar as práticas docentes de leitura e escrita junto das crianças. A investigação aponta para a necessidade das reflexões docentes sobre os materiais e espaços das salas – atentando para diversas questões levantadas –, bem como acerca das práticas docentes voltadas para a cultura escrita, principalmente no que se refere às práticas de leitura e escrita junto das crianças. Deve-se sempre compreender as crianças como sujeitos da cultura e produtores de cultura, com suas especificidades, necessidades e vontades.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/139337
Arquivos Descrição Formato
000990004.pdf (1.379Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.