Repositório Digital

A- A A+

Condições bucais de pacientes cardiopatas crônicos

.

Condições bucais de pacientes cardiopatas crônicos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Condições bucais de pacientes cardiopatas crônicos
Outro título Buccal conditions of chronic cardiac patients
Autor Schütz, Jasper da Silva
Orientador Haas, Alex Nogueira
Data 2012
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Odontologia.
Assunto Cardiologia : Doencas
Carie dentaria
Periodontia : Doencas
[en] Cardiovascular disease
[en] Dental caries
[en] Periodontal disease
Resumo O objetivo deste estudo foi descrever as condições de saúde bucal e hábitos comportamentais relacionados à saúde de indivíduos portadores de doença arterial coronariana crônica em acompanhamento em uma unidade de atendimento cardiológico do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Foram avaliados 100 pacientes consecutivos que frequentaram a unidade entre junho de 2011 e março de 2012. Dados demográficos, socioeconômicos e comportamentais foram obtidos de todos os participantes. Um exame bucal foi realizado, no qual foram avaliados os índices de placa visível (IPV) e sangramento gengival (ISG), recessão gengival (RG), profundidade de sondagem (PS), sangramento à sondagem (SS) e perda de inserção (PI) derivada da soma de RG e PS, além do índice CPO-D. Também foram realizados os seguintes exames laboratoriais: Proteína C Reativa, Triglicerídeos, Colesterol total, Colesterol LDL, Colesterol HDL, Glicose sérica e Hemoglobina glicada. Observou-se um predomínio de indivíduos do gênero masculino, sendo que a faixa etária predominante foi a partir de 60 anos na amostra do estudo. Cerca de metade dos indivíduos era ex-fumante e nunca fez uso de bebidas alcoólicas. Mais de três quartos da amostra relatou visitas ao dentista de maneira irregular. Com relação à condição periodontal, os parâmetros relacionados ao biofilme supragengival apresentaram médias elevadas, contabilizando índices de placa e sangramento médios de cerca de 68% e 47%, respectivamente. Mais da metade dos dentes examinados possuíam PS ≥4 mm, e o sangramento subgengival (SS) esteve presente em aproximadamente três quartos dos sítios examinados. A maior parte dos dentes examinados apresentou PI ≥6 mm. Em média, os indivíduos do presente estudo apresentaram 13,2 dentes perdidos. O CPO-D médio encontrado foi de 10,9 dentes. Pode-se concluir que a presente amostra de pacientes cardiopatas crônicos apresentou condições de saúde bucal compatíveis com a epidemiologia das doenças bucais mais prevalentes na população brasileira. Porém, esta condição é alarmante no contexto de saúde, uma vez que cada vez mais tem-se associado perda dentária e doenças periodontais a maiores riscos de eventos cardiovasculares.
Abstract The aim of this study was to describe the oral health condition and oral health related behavioral habits of individuals with chronic coronary artery disease that have been followed in a cardiologic unit in the University Hospital of Porto Alegre. 100 consecutive patients that frequented the unit were evaluated between June 2011 and March 2012. Demographics, socioeconomic and behavioral data were obtained from all participants. An oral examination with the following variables was performed: visible plaque and gingival bleeding indexes, gingival recession (GR), periodontal probing depth (PPD), subgingival bleeding, clinical attachment loss derived by the sum of GR and PPD, and DMFT. The following laboratory exams were also conducted: C reactive protein, triglycerides, total cholesterol, LDL, HDL, glucose and glycated hemoglobin. The majority of individuals were from male gender and were over 60 years of age. Approximately half of the individuals were ex-smokers and have never drunk alcoholic beverages. More than three quarters of the sample reported to have irregular dental visits. In relation to the periodontal condition, the parameters related to the supragingival biofilm presented high means for plaque and gingival bleeding indexes equaling 68% and 47% respectively. More than half of the examined teeth presented PPD ≥4 mm, and subgingival bleeding was present in approximately three quarters of the examined sites. Most of the examined teeth presented CAL ≥6 mm. The mean tooth loss in the individuals of the present study was 13.2. Mean DMFT was 10.9. It could be concluded that the present sample of chronic cardiovascular disease patients presented oral health conditions compatible with the epidemiology of oral diseases most prevalent in the Brazilian population. However, this condition is alarming in a health context since tooth loss and periodontal diseases have been associated with higher risks of cardiovascular events.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/139446
Arquivos Descrição Formato
000862946.pdf (1.490Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.