Repositório Digital

A- A A+

Pedagogias culturais : uma cartografia das (re)invenções do conceito

.

Pedagogias culturais : uma cartografia das (re)invenções do conceito

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Pedagogias culturais : uma cartografia das (re)invenções do conceito
Autor Andrade, Paula Deporte de
Orientador Costa, Marisa Cristina Vorraber
Data 2016
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Pedagogia cultural
[en] Cultural pedagogies
[en] Cultural studies
[en] Culture
[en] Education
[en] Education and culture
[en] Pedagogy
Resumo A tese apresenta, analisa e discute as condições vinculadas a emergência, disseminação e usos do conceito de pedagogias culturais no campo dos Estudos Culturais em Educação, especialmente no Brasil. Tendo como objetivo a construção de uma cartografia que permita pensar sobre as condições de possibilidade do conceito como ferramenta teórica, a pesquisa movimenta-se no referencial pósestruturalista dos estudos culturais, de modo a mapear algumas linhas que traçaram os contornos que este construto teórico apresenta atualmente. Seguindo e articulando estas linhas, objetiva-se explorar as histórias do conceito, bem como evidenciar os processos que permitiram sua (re)invenção no contexto acadêmico do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGEDU) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Para explorar os cruzamentos aí identificados, lançase mão do conceito de invenção, no sentido atribuído por Durval Muniz de Albuquerque Junior, e adota-se o roteiro de investigação proposto por Edward Said. Para compreender as pedagogias culturais são referências os estudos de autores que consideram as histórias da pedagogia, como Viviane Camozzato, Franco Cambi e Carlos Noguera-Ramirez, e da cultura, como Raymond Williams e Zygmunt Bauman. A pesquisa desenvolveu-se em três movimentos distintos. Em um, analisam-se as contribuições de David Trend, Henry Giroux, Shirley Steinberg, Joe Kinchloe e Elizabeth Ellsworth, pesquisadores associados às histórias sobre a emergência e sobre vários desdobramentos do conceito. Em outro movimento, para identificar e compreender as condições de importação do campo de ideias e de (re)invenção dos conceitos associados a ele, foram realizadas entrevistas com quatro professores que vivenciaram a implantação da Linha de Pesquisa Estudos Culturais em Educação no PPGEDU/UFRGS. Foram também rastreados os primeiros textos traduzidos que abordam o caráter pedagógico dos artefatos culturais e introduzem o conceito de pedagogias culturais. Em um terceiro movimento, examinam-se pesquisas de Mestrado e Doutorado, indicadas pelos professores entrevistados, para esmiuçar os usos e a produtividade desse construto teórico como ferramenta de análise. Os movimentos de investigação desenvolvidos e articulados mostraram os fios que permitem vislumbrar as tramas desse processo de (re)invenção, que teve como condições de emergência: a possibilidade de novas perspectivas de pesquisa em Educação que os Estudos Culturais trouxeram; a hibridização entre Estudos Culturais e Estudos Foucaultianos; a articulação entre Estudos Culturais e Educação. Tal cartografia evidencia como o conceito de pedagogias culturais vem ajudando tanto a problematizar, matizar e diversificar o entendimento sobre pedagogia, quanto a explorar as qualidades pedagógicas da vida social, constituindo-se em potente ferramenta teórica para os trabalhos produzidos na articulação entre Estudos Culturais e Educação.
Abstract This research paper presents, analyzes and discusses the conditions connected to the emergence, dissemination and uses of cultural pedagogies in the field of Cultural Studies in Education, particularly in Brazil. Aiming at building up a map that allows us to think about the conditions that enable the possibility of using this concept as a theoretical tools, this research is executed within the post-structuralism referential universe of cultural studies, in order to map out some of the lines that make up the contours that this theoretical construct presents currently. By following and articulating these lines, the purpose is to explore the backgrounds of this concept, as well as to make evident the processes that allowed for its (re)invention within the academic context of the Graduate Program in Education (PPGEDU) at the Federal University of Rio Grande do Sul (UFRGS). In order to explore the intersections identified, we make use of the concept of innovation, in the sense devised by Durval Muniz de Albuquerque Junior, and adopting an investigation step-by-step procedure as proposed by Edward Said, In order to understand cultural pedagogies, this paper uses as references the studies carried out by authors that address both the history of pedagogy, such as Viviane Camozzato, Franco Cambi and Carlos Noguera-Ramirez, and the history of culture, such as Raymond Williams and Zygmunt Bauman. This research was developed in three distinct stages. In the first one, there was the analysis of the contributions made by David Trend, Henry Giroux, Shirley Steinberg, Joe Kinchloe and Elizabeth Ellsworth, researchers associated to historical accounts regarding the emergence and the various ramifications of the concept. In the second stage, in order to identify and understand the importing conditions linked to the field of ideas and the (re)invention of the concept related to it, interviews were executed with four teaching professionals who experienced the implementation of the Line of Research in Cultural Studies in Education at PPGEDU/UFRGS. We also tracked down the first texts translated on the topic that approach the pedagogical nature of cultural artifacts and introduce the concept of cultural pedagogies. In the third stage, we analyzed Master's degree and PhD studies indicated by the teaching professionals interviewed, in order to detail the use and productiveness of this theoretical construct as a tool of analysis. The investigation works that have been carried out and articulated show the threads that allow us to see the weft that make up this (re)invention process, that have as emergence conditions: the possibility of new perspectives for research in education that brought Cultural Studies; hybridisation between Cultural Studies and Foucault's theory; the relationship between Cultural Studies and Education. Such mapping activity makes evident how the concept of cultural pedagogies is assisting in the questioning, nuancing and diversification regarding the understanding of pedagogy, as well as in the exploration of the pedagogical qualities present in social life, thus becoming a powerful theoretical tool to be used in the works addressing the articulation between Cultural Studies and Education.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/143723
Arquivos Descrição Formato
000996566.pdf (2.312Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.