Repositório Digital

A- A A+

Anfíbios anuros da ecorregião savana uruguaia : composição, distribuição e conservação

.

Anfíbios anuros da ecorregião savana uruguaia : composição, distribuição e conservação

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Anfíbios anuros da ecorregião savana uruguaia : composição, distribuição e conservação
Autor Zank, Caroline
Orientador Martins, Márcio Borges
Data 2012
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Biociências. Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal.
Assunto Anuros
Melanophryniscus
Savanas
Uruguai
Resumo A Savana Uruguaia é uma ecorregião onde a cobertura vegetal é constituída predominantemente por gramíneas, representando uma das formação campestres mais ricas do mundo. Se comparada às florestais tropicais, até recentemente, pouca atenção foi dispensada para o estudo e a conservação desta formação campestre. Nos próximos anos, os campos temperados tendem a experimentar as maiores taxas de alterações provocadas, tanto por mudanças no uso do solo quanto por mudanças no clima. No caso da ecorregião Savana Uruguaia, isto deve se tornar particularmente grave, se considerarmos que o sistema de unidades de conservação é precário. Por ocuparem tanto ambientes aquáticos quanto terrestres, os anfíbios representam um grupo especialmente vulnerável a alterações ambientais e climáticas. Além do avanço acelerado de tais alterações, nosso conhecimento básico sobre composição e distribuição de anuros na ecorregião é ainda insipiente. E as listas de espécies de anfíbios, bem como nosso conhecimento sobre as espécies, ainda está muito concentrado aos limites políticos, indicando uma grande carência de conhecimento em nível de unidades biogeográficas. Neste sentido, nosso estudo buscou preencher algumas das lacunas do conhecimento sobre os anfíbios anuros da ecorregião Savana Uruguaia. A tese está composta por três artigos. O primeiro artigo fornece uma listagem das espécies de anfíbios anuros da ecorregião Savana Uruguaia e descreve a distribuição geográfica de cada uma dessas espécies ao longo da ecorregião. O segundo artigo descreve o padrão espacial da riqueza de anuros ao longo da ecorregião, identifica áreas prioritárias para conservação de anfíbios anuros na ecorregião, propõe ações específicas para cada região indicada e desta forma, avalia a concordância do atual sistema de unidades de conservação existente ao longo da ecorregião Savana Uruguaia em abranger as áreas prioritárias para conservação de anuros. E o terceiro artigo analisa os efeitos potenciais das mudanças climáticas sobre as espécies do gênero Melanophryniscus, buscando subsidiar decisões sobre pesquisa e conservação através da elaboração de modelos que permitam quantificar os efeitos potenciais das mudanças climáticas sobre espécies e populações.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/143873
Arquivos Descrição Formato
000910047.pdf (8.601Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.