Repositório Digital

A- A A+

Avaliação de nova metodologia para determinação de elementos-traços em carne de ave

.

Avaliação de nova metodologia para determinação de elementos-traços em carne de ave

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação de nova metodologia para determinação de elementos-traços em carne de ave
Autor Weiler, Fábio Henrique
Orientador Pozebon, Dirce
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Química. Curso de Química Industrial.
Assunto Carne de frango
Espectrometria de absorcao atomica em forno de grafite
Resumo A carne de frango é uma importante fonte de proteína animal, pois, além de não possuir um custo elevado, é produzida em curto prazo de tempo e em espaços físicos reduzidos. O Brasil é um dos maiores produtores e exportadores de carne de ave e o controle da mesma quanto à contaminação é uma exigência a nível mundial. A contaminação por cádmio, chumbo e arsênio é preocupante, pois esses elementos mesmo em pequenas quantidades são prejudiciais à saúde humana. No Brasil, o Laboratório Nacional Agropecuário (LANAGRO) é o principal responsável pelo controle de contaminantes em carne de frango. O desenvolvimento de novos métodos de determinação de cádmio, chumbo e arsênio em carne de aves, ou melhoramento dos métodos oficiais já utilizados no LANAGRO, permitirá um maior controle desses contaminantes. Atualmente, a determinação de cádmio, chumbo e arsênio é feita em duas matrizes, no rim e no músculo das aves; o cádmio e o chumbo através da espectrometria de absorção atômica em forno de grafite (GF AAS) e o arsênio por espectrometria de absorção atômica por geração de hidretos (HG AAS). No presente trabalho foi investigado a possibilidade de substituição das duas matrizes (músculo e rim de aves) por somente uma, o fígado, visando-se a determinação de cádmio, arsênio e chumbo nesta matriz. Sendo assim, o método oficial do LANAGRO, para a determinação de cádmio e chumbo em músculo de ave e arsênio em rim de ave foi validado para a determinação dos três elementos no fígado. Com base nos resultados obtidos, constatou-se a possibilidade da utilização do fígado como única matriz. Além disso, avaliaram-se outras formas de preparar as amostras de fígado: digestão em forno de micro-ondas ou preparação de suspensão com hidróxido de tetrametilamonio (TMAH), com possibilidade de determinar os três elementos por GF AAS. Conclui-se que a amostra de fígado pode ser preparada mediante os dois métodos avaliados, para a determinação de cádmio e chumbo por GF AAS. No entanto, os resultados para arsênio não foram satisfatórios e estudos adicionais fazem-se necessários.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/144058
Arquivos Descrição Formato
000914127.pdf (660.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.