Repositório Digital

A- A A+

Caminhos e descaminhos da prática de gestão pelos trabalhadores : estudo de caso de uma cooperativa de produção de colchões e espumas da cidade de Gravataí-RS

.

Caminhos e descaminhos da prática de gestão pelos trabalhadores : estudo de caso de uma cooperativa de produção de colchões e espumas da cidade de Gravataí-RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Caminhos e descaminhos da prática de gestão pelos trabalhadores : estudo de caso de uma cooperativa de produção de colchões e espumas da cidade de Gravataí-RS
Autor Fülber, Vivianne Guimarães
Orientador Silva, Lorena Holzmann da
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia.
Assunto Autogestão
Cooperativa de Produção de Colchões e Espumas (COOPERSPUMA).
Cooperativa de trabalho
Estudo de caso
Gestão cooperativa
Gravataí (RS)
[en] Autonomous and heteronomous work
[en] Cooperative management
[en] Self management
Resumo Esta dissertação interroga sobre as práticas de gestão dos trabalhadores associados em cooperativas pretensamente autogeridas, habituados ao trabalho em empresas heterogeridas; a investigação tem por objetivo comparar as concepções de trabalho autônomo e heterônomo no interior de uma Cooperativa de produção de espumas, colchões e tecidos em matelassê1 denominada COOPERSPUMA localizada na cidade de Gravataí (RS). Originários de uma fábrica de colchões que fechou suas portas no ano de 2000 este grupo de trabalhadores depara-se com as dificuldades do trabalho numa nova configuração, a empresa sem patrão. Nos empreendimentos tidos como autogestionários trata-se de (re)construir uma nova forma de pensar e agir, de superar práticas anteriormente instituídas pela sociedade assalariada industrial. Oriundos de uma cultura individualista, competitiva e hierarquizada dentro das empresas, encontram-se despreparados para o exercício da cooperação e da participação. Estudos revelam o aumento considerável de cooperativas de trabalho e produção nos últimos anos no Brasil. Neste sentido, a pesquisa empírica torna-se relevante para o conhecimento da efetiva organização e das relações de trabalho que esses empreendimentos abrigam. Frente a um cenário de flexibilização do trabalho formal e fragilização dos direitos sociais, torna-se imprescindível a construção de uma agenda teórica que dê conta de entender e explicar este fenômeno. A investigação pretende auxiliar, também, no debate sobre o papel das cooperativas, debate hoje polarizado entre a visão pragmática de mera redução de custos empresariais e a alternativa de maior autonomia e democratização do trabalho para os trabalhadores na perspectiva da economia solidária (LIMA, 2004, p. 45-46).
Abstract This thesis questions about the management practices of employees associated to cooperatives that intend to manage themselves self used to work in companies with a multiple management. The research aims to compare the conceptions of self and heteronomous work within a cooperative production of foams, mattresses and fabrics in matelasse2 called COOPERSPUMA located in the city of Gravataí (RS). Originate from a mattress factory which closed its doors in 2000, this group of workers is facing the difficulties of working in a new configuration, without the company boss. In enterprises considered self managed the point is to (re) construct a new way of thinking and acting in order to overcome past practices imposed by the industry employed society. Came from an individualistic culture, competitive and hierarchical within companies, they are unprepared to pursue the cooperation and participation. Studies show the considerable increase of labour cooperatives and production in recent years in Brazil. In this sense, the empirical research becomes relevant to the knowledge of effective organization and the relations of work that these projects shelter. In front of a context of easing the formal work and weakening of social rights, it is essential to build a theoretical agenda that is able to understand and explain this phenomenon. The research also aims to help in the discussion on the role of cooperatives, something that is polarized today between the pragmatic vision of mere reduction of business costs and the alternative of greater autonomy and democratization of work for employees in the view of the social economy (Lima, 2004, p.45-46).
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/14990
Arquivos Descrição Formato
000672970.pdf (362.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.