Repositório Digital

A- A A+

Reduzindo o consumo de energia em MPSoCs heterogêneos via clock gating

.

Reduzindo o consumo de energia em MPSoCs heterogêneos via clock gating

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Reduzindo o consumo de energia em MPSoCs heterogêneos via clock gating
Outro título Reducing energy consumption in heterogeneous MPSoCs through clock gating
Autor Motta, Rodrigo Bittencourt
Orientador Wagner, Flavio Rech
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Informática. Programa de Pós-Graduação em Computação.
Assunto Microeletronica
Sistemas embarcados
SoC
[en] Clock gating
[en] Embedded systems
[en] Heterogeneous MPSoCs
[en] Java processors
Resumo Nesse trabalho é apresentada uma arquitetura que habilita a geração de MPSoCs (Multiprocessors Systems-on-Chip) heterogêneos escaláveis, baseados em barramento, suportando ainda o uso de diferentes organizações de memória. A comunicação entre as tarefas é especificada por meio de uma estrutura de memória compartilhada, que evita colisões e promove ganhos energéticos através do disparo dinâmico de clock gating. Também é introduzida a técnica DCF (Dynamic Core Freezing), que incrementa a eficiência energética do MPSoC tirando proveito dos ciclos ociosos dos processadores durante os acessos à memória. Mais, a combinação das organizações de memória propostas habilita a exploração de migração de tarefas na arquitetura proposta, por meio da troca de contexto das tarefas na memória compartilhada. Além disso, é mostrado o simulador de alto-nível, baseado na arquitetura proposta, criado com o propósito de extrair os ganhos energéticos propiciados com o uso do clock gating e da técnica DCF. O simulador aceita como entrada arquivos de trace de execução de aplicações Java, com os quais ele gera um novo arquivo contendo o mapeamento das instruções encontradas nos arquivos de trace para diferentes classes de instrução. Dessa forma, podem ser modeladas diferentes arquiteturas de processadores, usando o arquivo com o mapeamento para simular o MPSoC. Mais, o simulador habilita ainda a exploração das diferentes organizações de memória da arquitetura proposta, de maneira que se pode estimar o seu impacto no número de instruções executadas, contenções no barramento, e consumo energético. Experimentos baseados em uma aplicação sintética, executando em um MPSoC composto por diferentes versões de um processador Java mostram um grande aumento na eficiência energética com um custo mínimo em área. Além disso, também são apresentados experimentos baseados em aplicações do benchmark SPECjvm98, que mostram o impacto causado na eficiência energética quando o tipo de aplicação é alterado. Mais, os experimentos mostram drásticos ganhos energéticos obtidos com a aplicação da técnica DCF sobre as memórias do MPSoC.
Abstract In this work we present an architecture that enables the generation of bus-based, scalable heterogeneous Multiprocessor Systems-on-Chip (MPSoCs), supporting different memory organizations. Intertask communication is specified by means of a shared memory structure that assures collision avoidance and promotes energy savings through a dynamic clock gating triggering. We also introduce a Dynamic Core Freezing (DCF) technique, which boosts energy savings taking advantage of processor idle cycles during memory accesses. Moreover, the combination of the memory organizations enables the architecture to exploit easy task migration by means of the task context saving in the shared data memory. Moreover, we show the high-level simulator, based on the proposed architecture, created in order to extract the energy savings enabled with the clock gating and the DCF techniques. The simulator accepts as input execution trace files of Java applications, from which it generates a new file that contains the mapping of the instructions found in the trace file for different instruction classes. This way, we can model different processor architectures, using the mapping file to simulate the MPSoC. Also, the simulator enables us to experiment with different memory organizations to estimate their impact on the executed instructions, bus contention, and energy consumption. As case study we have modeled different versions of a Java processor in order to experiment with different execution patterns over different memory organizations. Experiments based on a synthetic application running on an MPSoC containing different versions of a Java processor show a large improvement in energy efficiency with a minimal area cost. Besides that, we also present experiments based on applications of the SPECjvm98 benchmark, which show the impact on the energy efficiency when we change the application type. Moreover, the experiments show a huge improvement in the energy efficiency when applying the DCF technique to the MPSoC memories.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/15312
Arquivos Descrição Formato
000677257.pdf (4.908Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.