Repositório Digital

A- A A+

Relações de trabalho em 'Terras do Sem Fim', 'Gaibéus' e 'Terra Morta' : universos que se tocam

.

Relações de trabalho em 'Terras do Sem Fim', 'Gaibéus' e 'Terra Morta' : universos que se tocam

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Relações de trabalho em 'Terras do Sem Fim', 'Gaibéus' e 'Terra Morta' : universos que se tocam
Outro título Workmanship questions in Lands Without End, Gaibéus and Dead Earth: Universes that are touching
Autor Santos, Lisiane Pinto dos
Orientador Tutikian, Jane Fraga
Data 2008
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Amado, Jorge 1912-2001.
Classes sociais
Exploração
Ideologia
Literatura angolana
Literatura brasileira
Literatura comparada
Literatura e sociedade
Literatura portuguesa
Neorrealismo
Redol, Antônio Alves 1911-1969.
Relações de trabalho
Representações do trabalho
Romance
Sociedade capitalista
Soromenho, Fernando Monteiro de Castro 1910-1968.
Teoria literária
[en] Portuguese and angolan neo-realism
[en] Romance of 30
[en] Workmanship
Resumo Esta teve tem por objetivo examinar as relações de trabalho em contextos específicos, através de três obras representativas, à luz das questões estético-ideológicas do Romance de 30 brasileiro, do Neo-Realismo português e do Neo-Realismo angolano. Para tanto foram escolhidos os romances Terras do Sem Fim, de Jorge Amado; Gaibéus, de Alves Redol; e Terra Morta, de Castro Soromenho, enfocando a representação do trabalho e do trabalhador. A investigação, essencialmente bibliográfica, foi norteada por uma recuperação do pensamento ideológico que moldou a sociedade até o presente da produção das obras em estudo. Para isso foram recuperados os estudos de Platão, Aristóteles, Augusto Comte, Karl Marx, Georg Lukács e Lucien Goldman. A questão da ideologia direcionou a leitura realizada das obras. A tese foi dividida em duas partes, sendo que a primeira tem dois capítulos e compreende a fundamentação teórica; e a segunda parte possuiu três capítulos, que se referem ao estudo das obras brasileira, portuguesa e angolana, respectivamente. No primeiro capítulo, realizou-se uma recuperação da evolução ideológica da sociedade que se refletiram nas produções literárias. Já o segundo capítulo abordou a questão da ideologia dos períodos literários Romance de 30 brasileiro e o Neo-Realismo português e angolano. O primeiro capítulo da segunda parte apresenta a leitura feita do romance Terras do Sem Fim, no qual Jorge Amado procurou representar a sociedade cacaueira do Sul da Bahia. A leitura da obra portuguesa, Gaibéus, coloca em cena os trabalhadores colhedores de arroz da região do Ribatejo. Finalmente, o terceiro capítulo, examina a obra Terra Morta, na qual Castro Soromenho critica o colonialismo português. Enfim, ratificando a importância da temática estudada, entende-se que a investigação empreendida contribuiu sobremaneira para a comprovocação do objetivo proposto, isto é, a exclusão de classe que vitimiza os trabalhadores numa sociedade capitalista é similar nas três obras em estudo. Palavras-chave: Jorge Amado. Alves Redol. Castro Soromenho. Romance de 30. Neo- Realismo português e angolano. Trabalho.
Abstract This dissertation aims to investigate the relationship of work in specific contexts, trough three representative books, in light of aesthetic-ideological questions of Brazilian Romance on 30, of the Portuguese Neo-Realism and of the Angolan Neo-Realism. For both were chosen the novels of Lands Without End, by Jorge Amado; Gaibéus, Alves Redol; and Dead Earth, Castro Soromenho, focusing on the representation of workmanship and worker. The investigation, essentially bibliographical, was guided by a recovery of the ideological idea that shaped the society until the present of production of the books in study. For that were recovered the studies of Plato, Aristotle, August Comte, Karl Marx, Gerog Lukács and Lucien Goldman. The ideological question directed the performed reading of the books. The dissertation was divided into two parts, and the first has two chapters and includes the theorical fundamentation; the second part has three chapters, which refer to the study of the Brazilian, Portuguese and Angolan books, respectively. In the first chapter, a recovery of the ideological evolution of the society that were reflected in the literary productions. Once the second chapter approached the ideological questions of the literary periods of Romance of 30 and the Portuguese and Angolan Neo-Realism. The first chapter of the second part shows the reading of the novel Lands Without End, in which Jorge Amado tried to represent the cocoa society from South of Bahia. The reading of the Portuguese book, Gaibéus, puts into play the workers harvesters of rice in the region of Ribatejo. Finally, the third chapter examines the book Dead Earth, in which Castro Soromenho criticizes the Portuguese colonialism. At last, confirming the importance of the studied topic, it is understood that the undertaken investigation contributed considerably to the attestation of the proposed objective, namely the exclusion of class that victimizes workers in a Capitalist society is similar in the three books under study.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/15350
Arquivos Descrição Formato
000678151.pdf (1.227Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.