Repositório Digital

A- A A+

A Percepção sobre a água na paisagem urbana: bacia hidrográfica da Barragem Mãe D'Água - Região Metropolitana de Porto Alegre/RS

.

A Percepção sobre a água na paisagem urbana: bacia hidrográfica da Barragem Mãe D'Água - Região Metropolitana de Porto Alegre/RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A Percepção sobre a água na paisagem urbana: bacia hidrográfica da Barragem Mãe D'Água - Região Metropolitana de Porto Alegre/RS
Autor Rangel, Mario Luiz
Orientador Verdum, Roberto
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Geociências. Programa de Pós-Graduação em Geografia.
Assunto Analise ambiental
Geografia física
Mãe D'Água, Barragem (Porto Alegre e Viamão, RS)
Paisagem urbana
Porto Alegre, Região Metropolitana de (RS)
[en] Landscape awareness
[en] Urbanization
[en] Water
[en] Water resources
Resumo O presente trabalho tem como principal objetivo saber qual a percepção que os moradores, trabalhadores locais e usuários e gestores públicos têm da água inserida na paisagem em uma bacia hidrográfica urbana. A área de estudo é a bacia de captação da Barragem Mãe d'Água, localizada na Região Metropolitana de Porto Alegre (RMPA), na divisa dos municípios de Porto Alegre e Viamão - RS. O estudo também tenta determinar se essas pessoas, através de sua percepção, têm consciência de que a água que chega nas torneiras de suas casas, que é utilizada para seus diversos usos, deriva daquelas águas que passam pelos cursos d'água onde moram. Para atingir esse objetivo, parte-se da hipótese de que o grau de percepção da população relacionado às questões ambientais, a paisagem e a água inserida na paisagem, o ciclo hidrológico, são influenciadas pela cultura, pelas condições sócio-econômicas e pelo grau de instrução destas pessoas. A pesquisa baseia-se em dados do Índice de Qualidade das Águas (IQA) obtidos em três épocas distintas (1990/91, 2002 e 2007), onde foram feitas coletas para a determinação da qualidade de água em três pontos dessa bacia hidrográfica. É realizado, paralelamente, um estudo sobre o processo de urbanização na área de estudo, através de imagens de Sensoriamento Remoto e levantamento fotográfico dos pontos de amostragem, das habitações e da infra-estrutura oferecida aos moradores, dando-se ênfase às condições ambientais, principalmente dos cursos d'água. Para o entendimento e a determinação do grau da percepção da paisagem urbana e, principalmente, da água na paisagem pelas pessoas que vivem nesta bacia hidrográfica, é aplicado um questionário elaborado a partir do conceito descrito pelas Ciências Sociais como entrevista semi-estruturada. De posse desse universo de dados e do seu processamento e análise, é testada a hipótese formulada nesse estudo em que, a cultura, as condições sócio-econômicas e o grau de instrução têm influencia na percepção das pessoas, interferindo ou atenuando o olhar crítico quanto aos problemas ambientais, principalmente aos relacionados com a percepção da água na paisagem. Os resultados deste estudo estão espacializados em mapas temáticos, onde são incluídas as paisagens preferidas e aquelas que desagradam. Também são propostas intervenções, a partir da percepção dos entrevistados, que tenham o objetivo qualificar o espaço urbano, a paisagem, principalmente naquelas em que a água está presente.
Abstract The main objective of the present study is to understand how residents, local workers and users from a urban water basin landscape are aware of the water that surrounds them. The study area comprises the water collection basin Barragem Mãe D'água, located in the Metropolitan area of Porto Alegre, RS, Brazil (RMPA), in the limits of the cities of Porto Alegre and Viamão, RS, Brazil. Our study also aims at attempting to determine whether those people are aware of the fact that the water they use in their homes, in different daily activities, is the same that runs in the water flows close to their houses. Our hypothesis is that the awareness level as to environmental issues, such as local landscape, water, and water cycles, are affected by culture, socioeconomic conditions and education level. The study is based on data from the IQA (Water Quality Index) from three different years (1990/91, 2002 and 2007), when water was collected to have its quality assessed in three different points of the basin.In parallel, we carried out a study about the urbanization process in the area, through Remote Sensing Imaging and photographs of sampling points, dwellings and infra-structure. Focus was given to environmental conditions such as that of water flows. In order to understand and determine the people's awareness level as to the urban landscape and water present in the area, a questionnaire was created and applied following the semi-structured interview model from Social Sciences. After such data were collected, processed and analyzed, we tested the hypothesis that culture, socioeconomic conditions and education level affect people's awareness, interfering or mitigating their critical point of view as to environmental issues, as those associated to water in the landscape. Results of the present study will be spatialized over a map that comprises the interviewee's preferred landscapes, impacts and intervention plans. The main goal is to qualify the urban space, particularly those areas where water is present.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/15720
Arquivos Descrição Formato
000682292.pdf (11.36Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.