Repositório Digital

A- A A+

A Demanda do Santo Graal e seus entrecruzamentos

.

A Demanda do Santo Graal e seus entrecruzamentos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A Demanda do Santo Graal e seus entrecruzamentos
Autor Schenkel, Luciana de Moraes
Orientador Rebello, Lúcia Sá
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Chrétien de Troyes, séc. XII.
Critica e interpretacao
Estudos de tradução
Lenda do graal
Literatura comparada
Literatura medieval francesa
Mito do rei Artur na obra de Chrétien de Troyes
Romance
Teoria da intertextualidade
Resumo Este trabalho é um estudo comparativo entre dois romances de Chrétien de Troyes, Lancelot ou o cavaleiro da Charrete e Perceval ou o Romance do Graal e A Demanda do Santo Graal. Através desse estudo, pretende-se mostrar que a leitura de cada romance, separadamente, pode levar a enganos interpretativos, uma vez que não se considera o contexto geral em que as obras foram produzidas. Dessa forma, neste trabalho busca-se uma leitura mais completa dessas obras que se daria em três etapas: a leitura que cada autor fez do mito do Rei Artur, que foi sendo aos poucos construído, a leitura do contexto medieval feita por cada autor e as diferentes leituras que um autor leva a enxergar no outro, o que não seria possível sem o cruzamento dos textos. Para tanto, serão perseguidos nas obras o tratamento dado às mulheres e a construção da figura do herói nos três romances. Através dessas linhas investigativas pretende-se demonstrar não só aquilo que as três obras possuem de traços em comum, mas principalmente, o que possuem de diferente. Primeiramente, será revisada a fortuna crítica a respeito da matéria da Bretanha, buscando mostrar o que foi afirmado de mais relevante sobre esses dois aspectos perseguidos, pelos principais autores que se debruçaram especificamente sobre as obras estudadas e sobre esse conjunto de histórias que envolvem o rei Artur e sua corte. Num segundo momento, será explicitada a teoria da intertextualidade enfatizando a contribuição indispensável do olhar intertextual para a análise das obras. A partir disso, será feito o cruzamento dos três textos para que se comprove a mudança que a teoria da intertextualidade proporciona à leitura das três obras. Ao fazer uso das teorias da literatura comparada, particularmente a intertextualidade, pretende-se demonstrar que A Demanda do Santo Graal é uma continuação de Lancelot ou o cavaleiro da charrete e de Perceval ou o romance do Graal, em que a presença dos elementos cristãos vai aumentando gradativamente, e não seu oposto como afirma a maioria dos especialistas na matéria da Bretanha.
Abstract This work is a comparative study of two novels of Chrétien de Troyes, Lancelot or the Knight of the chariots and Perceval or the Romance of the Grail and The demand of the Holy Grail. Through this study it intends to show that the reading of each novel, separately, can lead to misleading interpretations, since it is not considered the general context in which the works were produced. Thus, in this paper it aims a more complete reading of these works that would be in three stages: the reading that each author has made from the myth of King Arthur, which was built in phases, the reading of medieval context made by each author and the different readings that one author leads to see the other, which would not be possible without the crossing of the texts. Thus, it will be pursued in the works the treatment directed to women and the construction of the figure of the hero in three novels. Through these investigative lines it intendeds to demonstrate not only what the three works have in common features, but mainly, which are different. Firstly, it will review the critical fortune on the matter of Britain, seeking to show that the most relevant was said about these two important aspects pursued by the major authors that focused specifically on the works studied and on the stories involving the king Arthur and his court. Secondly, will be outlined the theory of intertextuality emphasizing the indispensable contribution of the gaze to the intertextual analysis of the works. From this, it will be the intersection of the three texts to prove the change that the theory of intertextuality provides the reading of three works. By making use of the theories of comparative literature, particularly the intertextuality, it intends to demonstrate that The demand of the Holy Grail is a continuation of Lancelot or the Knight of the chariots and of Perceval or the Romance of the Grail, in which the presence of Christian elements increasing gradually, and not its opposite, as affirm the majority of experts in the matter of Brittany.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/16229
Arquivos Descrição Formato
000695090.pdf (416.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.