Repositório Digital

A- A A+

Desenvolvimento de modelo experimental em cadáver de cão conservado com a solução de larssen modificada para treinamento em videocirurgia: nefrectomia total e tireoidectomia

.

Desenvolvimento de modelo experimental em cadáver de cão conservado com a solução de larssen modificada para treinamento em videocirurgia: nefrectomia total e tireoidectomia

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desenvolvimento de modelo experimental em cadáver de cão conservado com a solução de larssen modificada para treinamento em videocirurgia: nefrectomia total e tireoidectomia
Autor Scherer, Simone
Orientador Beck, Carlos Afonso de Castro
Co-orientador Alievi, Marcelo Meller
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias.
Assunto Cirurgia veterinaria : Tecnicas
Nefrectomia
Tireoidectomia
Videocirurgia : Animais
[en] Cadavers
[en] Canine
[en] Minimally invasive surgery
[en] Nefrectomy
[en] Thyroidectomy
Resumo Estão disponíveis para treinamento videocirúrgico métodos in vitro e treino em animais, antes de se estar apto para chegar ao paciente propriamente dito. O treino em animais vivos tem sua importância no fato de mimetizar situações reais, permitindo o treinamento, não só da técnica, mas também de conduta e trabalho em equipe. Em contrapartida, o uso de animais vivos utilizados em treinamento cirúrgico (vivissecção) e pesquisa têm encontrado oposição em questões éticas e de bem estar animal. A utilização de cadáveres para o treinamento e desenvolvimento de novas técnicas cirúrgicas em Medicina tem se tornado uma alternativa interessante para a videocirurgia. No presente estudo foram testados como modelos experimentais cadáveres de cães conservados com a solução de Larssen modificada, que mantém as características teciduais do cadáver semelhantes às de um cão vivo. Foram utilizados 10 cães oriundos da rotina do Hospital de Clínicas Veterinárias da Universidade Federal do Rio Grande do Sul ou do Centro de Controle de Zoonoses de Porto Alegre, com indicação de eutanásia por patologias graves e sem tratamento. Após a eutanásia, foram preparados com solução de Larssen modificada, a fim de manterem características teciduais semelhantes as de um cão vivo, sendo armazenados em freezer após o preparo. Estes cadáveres, depois de descongelados, foram testados quanto a viabilidade do modelo para treinamento de nefrectomia total laparoscópica e tireoidectomia videoendoscópica. Foram avaliadas no transoperatório, características teciduais como: coloração, textura e odor dos cadáveres e também, a pressão de dióxido de carbono utilizada para a insuflação. O modelo experimental em cadáveres de cães conservados com solução de Larssen modificada foi viável e efetivo para treinamento em videocirurgia nas técnicas propostas; embora alguns cães, durante a nefrectomia laparoscópica evidenciassem os rins friáveis. No que se refere às características teciduais avaliadas, foram semelhantes às de um animal vivo, e a pressão média de dióxido de carbono utilizada durante a nefrectomia total laparoscópica foi de 15,58 mmHg e para a tireoidectomia videoendoscópica foi de 15,75 mmHg.
Abstract In consideration of the fact that training with live animals simulates real situations, it has still its importance. It allows not only technical training but also conduct and teamwork. In contrast, the use of live animals in surgical training (vivisection) and research has found opposition due to ethical and animal welfare concerns. The use of cadavers for training and development of new surgical techniques in medicine has become an interesting alternative for videosurgery. In the present study cadavers of dogs, conserved with a modified Larssen solution were used as experimental models. This modified Larssen solution preserves the tissue of the body with similar characteristics to the tissue of alive dogs. Ten dogs from the routine of the Veterinary Hospital of the Federal University of Rio Grande do Sul and the Porto Alegre's Zoonosis Control Center with indication of euthanasia for serious diseases were used for this study. After euthanasia the dogs were prepared with the modified Larssen solution and were stored in freezers. Before beginning procedures the cadaveres were defrosted, the bodies of the dogs were tested to evaluate the training feasibility for laparoscopic total nefrectomy and videoendoscopic thyroidectomy. In the next step characteristics like coloration, tissue structure, odor and pressure of carbon dioxide for inflation has been evaluated. The experimental model to prepare dog cadavers with modified Larssen solution proved to be practicable and effective for training in videosurgery within the proposed procedures. Even though, some dogs showed friable kidneys during laparoscopic nephrectomy. In relation to the evaluated tissue characteristics, the experimental model showed similar characteristics of a living animal. The middle pressure of carbon dioxide was 15,58 mmHg during laparoscopic total nefrectomy and 15,75 mmHg during videoendoscopic thyroidectomy.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/16236
Arquivos Descrição Formato
000698802.pdf (7.681Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.