Repositório Digital

A- A A+

Avaliação do efeito de um protocolo para promoção de qualidade do sono em pacientes internados em uma unidade de cuidados coronarianos

.

Avaliação do efeito de um protocolo para promoção de qualidade do sono em pacientes internados em uma unidade de cuidados coronarianos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação do efeito de um protocolo para promoção de qualidade do sono em pacientes internados em uma unidade de cuidados coronarianos
Autor Beltrami, Flávia Gabe
Orientador Fagondes, Simone Chaves
Data 2017
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Ciências Pneumológicas.
Assunto Higiene do sono
Sono
Unidades de cuidados coronarianos
Unidades de terapia intensiva
[en] Coronary care unit
[en] Critical patients
[en] Intensive care unit
[en] Sleep
[en] Sleep care protocol
[en] Sleep quality
Resumo Introdução: Sono de qualidade ruim é uma situação frequentemente descrita em pacientes críticos. A etiologia das alterações do sono nesta população é multifatorial. Dentre os fatores modificáveis citam-se ruído, iluminação, dor, interações decorrentes dos cuidados ao paciente e medicamentos. O sono de má qualidade pode relacionar-se com mudanças no metabolismo, na função endócrina, em disfunção do sistema imunológico e ventilatório e em distúrbios cardiovasculares. Também acarreta consequências psicológicas como disfunção cognitiva e delírio. Objetivo: Avaliar o efeito de um protocolo para promoção da qualidade do sono em pacientes internados em uma unidade de cuidados coronarianos (UCC). Metodologia: Este estudo consistiu em um estudo quase-experimental, realizado em duas fases. Durante a primeira fase, o grupo controle (n = 58 pacientes) recebeu cuidados habituais e informações relativas ao sono foram coletadas por meio do Questionário do Sono de Richards-Campbell (RCSQ) - escala analógica visual de 100 mm, com pontuações mais altas representando sono de melhor qualidade - e do Questionário do Sono na Unidade de Cuidados Intensivos (SICUQ) - escala discreta de 10 pontos, com maiores escores indicando maior interrupção do sono. Durante a segunda fase (n = 55 pacientes), um protocolo para promoção do sono foi implementado. As intervenções incluíram ações para redução do ruído e luminosidade, cuidados com analgesia, além de medidas gerais. Os dados relativos ao sono foram novamente coletados para avaliar o impacto dessas intervenções. Resultados: As principais barreiras ao sono identificadas pelo SICUQ foram dor 1 (1-5,5), luminosidade 1 (1-5) e ruído 1 (1-5). Dentre as fontes de ruído, as que apresentaram maiores escores foram alarmes dos monitores cardíacos 3 (1- 5,25), alarmes das bombas de infusão intravenosa 1,5 (1- 5) e alarmes dos ventiladores mecânicos 1 (1-5). Estas últimas significativamente reduzidas no grupo intervenção. Em relação ao RCSQ, o grupo intervenção obteve melhorias nos escores de profundidade do sono 81 (65-96,7) vs. 69,7 (50-90); p=0,046); fragmentação do sono 90 (65-100) vs. 69 (42,2-92,7); p=0,011); tempo para retomada do sono 90 (69,7 - 100] vs. 71,2 (40,7-96,5); p=0,007); qualidade do sono 85 (65-100) vs. 71,1 (49-98,1); p=0,026) e no escore global de qualidade do sono 83 (66-94) vs. 66,5 (45,7-87,2); p=0,002 em relação ao grupo controle. Conclusão: A implementação de um protocolo para promoção do sono foi factível e eficaz na melhora de vários parâmetros de qualidade do sono e na redução de algumas de suas barreiras em pacientes internados em uma UCC.
Abstract Introduction: Poor sleep is a frequent occurrence in the acute care unit. The etiology of disrupted sleep in this population is thought to be multifactorial. Modifiable factors include noise, light, pain, patient care interactions and medications. Disrupted sleep can be related to changes in metabolism and endocrine function, immune system dysfunction, ventilatory and cardiovascular disturbances and also psychological consequences like cognitive dysfunction and delirium. Objective: To evaluate the effect of a multi-intervention sleep care protocol in improving sleep quality in coronary care unit (UCC) patients. Methodology: This trial consisted in a quasi-experimental study, carried out in two phases. During the first phase the control group (n=58 patients) received usual care, and baseline sleep data was collected through the Richards-Campbell Sleep Questionnaire (RCSQ) - visual analog scale of 100 mm, with higher scores representing higher quality sleep - and the Sleep in the Intensive Care Unit Questionnaire (SICUQ) - 10-point discrete scale, higher scores indicate greater sleep interruption. During the second phase (n=55 patients), a sleep promoting protocol was implemented. Interventions included actions to promote analgesia, to reduce noise and brightness and other general measures. Sleep data were collected again to assess the impact of these interventions. Results: The main barriers to sleep in the SICUQ were pain [median (interquartile range)] [1 (1.0-5.5)], light [1 (1.0-5.0)] and noise [1 (1.0-5.0)]. The most rated sources of sleep-disturbing noise were heart monitor alarm [3 (1.0-5.25)], intra venous pump alarm [1.5 (1.0-5.00)] and ventilator alarm [1 (1.0-5.0)]. All of the latter were significantly lower in the intervention group than in the baseline group. According to the RCSQ, the intervention group had better scores in overall sleep depth [median (interquartile range)] [81 (65-96.7) vs. 69.7 (50-90); p=0.046]; sleep fragmentation [90 (65-100) vs. 69 (42.2-92.7); p=0.011]; return to sleep [90 (69.7 - 100) vs. 71.2 (40.7-96.5); p=0.007]; sleep quality [85 (65-100) vs. 71.1 (49-98.1); p=0.026] and mean RCSQ score [83 (66-94) vs. 66.5 (45.7-87.2); p=0.002] medians than the baseline group. Conclusion: A multi-intervention protocol was feasible and effective in improving different sleep quality parameters and in reducing some barriers to sleep in CCU patients.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/163569
Arquivos Descrição Formato
001024815.pdf (849.3Kb) Texto parcial Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.