Repositório Digital

A- A A+

Inflamação subclínica, obesidade, diabetes e doenças relacionadas

.

Inflamação subclínica, obesidade, diabetes e doenças relacionadas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Inflamação subclínica, obesidade, diabetes e doenças relacionadas
Outro título Subclinical inflammation, obesity, diabetes and relates diseases
Autor Duncan, Bruce Bartholow
Duncan, Michael Schmidt
Schmidt, Maria Inês
Resumo Um estado de inflamação crônica subclínica, originado de uma dieta pró-inflamatória, do sedentarismo e de insultos intra-uterinos, entre outros fatores, está associado ao desenvolvimento do diabetes e de doenças cardiovasculares. Esse processo é mediado, em parte, pelo estresse oxidativo e por citocinas pró-inflamatórias, que interferem nos mecanismos de sinalização da insulina. A obesidade contribui para esse processo, uma vez que o tecido adiposo é hoje compreendido como um órgão secretor de produtos e mediadores pró-inflamatórios, como a interleucina-6 (IL-6) e o componente 3 do complemento (C3), e anti-inflamatórios, como a adiponectina. Outros fatores envolvidos são a alteração funcional do sistema nervoso autônomo e do sistema neuroendócrino, em resposta ao estresse. A insulina, em condições normais, apresenta efeitos antiinflamatórios. A resistência à insulina, uma vez presente, interromperia as ações inibitórias da insulina contra a inflamação, favorecendo também a manutenção do estado inflamatório crônico. Uma melhor compreensão do papel do sistema imune inato na fisiopatologia da síndrome metabólica, do diabetes, da hipertensão e da doença cardiovascular, assim como das causas da ativação crônica desse sistema, deve levar a importantes avanços na predição, na prevenção e no manejo clínico dessas doenças.
Abstract A state of chronic subclinical inflammation, derived in large part from a proinflammatory diet coupled with a sedentary lifestyle, and influenced by intrauterine insults, is associated with the development of diabetes and cardiovascular diseases. This process is to a large degree mediated by oxidative stress and proinflammatory cytokines, which interfere with insulin-signaling mechanisms. Obesity contributes to this process, as it is known that the adipose tissue secretes proinflammatory products and mediators, such as interleukin-6 and complement C3, as well as anti-inflammatory ones, such as adiponectin. Other factors involved include functional alterations in the autonomic nervous and neuroendocrine systems in response to stress. Insulin, under normal conditions, has anti-inflammatory effects. Insulin resistance, once present, blocks such anti-inflammatory actions, thus favoring the maintenance of chronic subclinical inflammation. A better understanding of the role of the innate immune system in the pathophysiology of the metabolic syndrome, diabetes, hypertension and cardiovascular disease, as well as of the causes of its chronic activation, should result in important advances in the prediction, prevention and clinical management of these diseases.
Contido em Revista HCPA. Vol. 25, n. 3 (dez. 2005), p. 5-16
Assunto Diabetes mellitus
Doenças cardiovasculares
Inflamação
Obesidade
Síndrome X metabólica
[en] Diabetes mellitus
[en] Inflammation
[en] Metabolic syndrome
[en] Obesity
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/164251
Arquivos Descrição Formato
000517889.pdf (362.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.