Repositório Digital

A- A A+

Estudo de longa duração em sistema integrado de produção agropecuária : explorando relações planta-animal na fase pastagem

.

Estudo de longa duração em sistema integrado de produção agropecuária : explorando relações planta-animal na fase pastagem

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estudo de longa duração em sistema integrado de produção agropecuária : explorando relações planta-animal na fase pastagem
Outro título A long-term study in anintegrated crop-livestock system : exploring plant-animal relations in the pasture phase
Autor Moojen, Fernanda Gomes
Orientador Bremm, Carolina
Co-orientador Carvalho, Paulo Cesar de Faccio
Data 2017
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Azevém
Cordeiro
Desempenho animal
Pastejo
[en] Animal performance
[en] Grazing intensity
[en] Lolium multiflorum lam.
[en] Stocking method
[en] Sward structure
Resumo Diversificação e rotação de culturas aliado ao cultivo sem revolvimento do solo com inserção de produção animal é uma alternativa desejável aos sistemas de produção em monocultivos intensivos. Neste sentido, o Sistema Integrado de Produção Agropecuária representa uma forma particular de produção de alimentos de forma sustentável. No entanto, a produção animal na fase pastagem adiciona mais complexidade ao sistema e requer um adequado manejo. Nesse contexto, o presente estudo buscou explorar as relações planta-animal da fase pastagem de um Sistema Integrado de Produção Agropecuária no Sul do Brasil. O protocolo experimental foi estabelecido no ano de 2003 e é caracterizado por uma integração entre a fase lavoura, com soja (Glycine max. (L.) Merr.) e milho (Zea mays L.) em rotação, com a fase pastagem, onde são manejados cordeiros em azevém anual (Lolium multiflorum Lam.). Na fase pastagem são testadas combinações de métodos de pastoreio (contínuo e rotativo) e intensidades de pastejo (2,5 e 5 vezes o potencial de consumo de matéria seca). Os maiores ganhos médios diários foram encontrados no método de pastoreio contínuo (MP-C) e intensidade de pastejo 5 (IP-5) (0,135 kg versus 0,120 comparando IP-5 X IP-2,5 no MP-C e 0,115 versus 0,105 no método de pastoreio rotativo (MP-R) nas mesmas intensidades respectivamente). No entanto, o método de pastoreio não teve efeito no ganho de peso vivo por hectare e a intensidade de pastoreio 5 resultou em menor desempenho por área (307 kg versus 387comparando IP-5 versus IP-2,5). A base de dados também foi analisada pela construção de árvores da decisão para relacionar as variáveis do pasto com os desempenhos. Foram construídas árvores da decisão para: i) ganho de peso vivo por hectare: com coeficiente de determinação (R2) = 0,738 sendo a oferta de forragem e produção total de forragem as principais variáveis para os maiores desempenhos; ii) ganho médio diário: com R² = 0,547 foi observado altura do pasto como o fator de maior influência. Assim, dependendo dos objetivos, se é aumentar o desempenho individual ou por área, isto implica em diferentes estratégias de combinações de manejo do dossel. Os resultados deste estudo demonstram a oportunidade potencial oferecida pela produção animal em sistemas integrados para diversificar o uso da terra e ainda promover maior eficiência de produção.
Abstract Crop diversification integrated with no till and with livestock production can be a desirable alternative to intensive monoculture production systems. In this way, Integrated Crop-Livestock System plays and unique form of food production sustainable. However, livestock in a pasture phase add more complexity to the system that requires proper pasture management. In this context, the present study aimed to explore plant-animal relationships of the pasture phase in an Integrated Crop-Livestock System in southern Brazil. The experimental protocol was established in the year of 2003 and is composed by the integration of a crop phase, with soybean (Glycine max. (L.) Merr.) and maize (Zea mays L.) in rotation with a pasture phase, when lambs were managed in Italian ryegrass (Lolium multiflorum Lam.). In the pasture phase was tested combinations of stocking methods (continuous and rotational) and grazing intensities (2.5 and 5 times the potential daily dry matter intake). The results showed that higher average daily gain is found in stocking method continuous (SM-C) and in grazing intensity 5 (GI 5) (0.135 g versus 0.120 comparing GI-5 X GI-2.5 in SM-C and 0.115 versus 0.105 in stocking method rotational (SM-R)). However, stocking method had no effect on live weight gain per hectare and grazing intensity 5.0 resulted lower performance by area (307 kg versus 387 comparing GI-5 versus GI-2,5). The data was also analyzed by the decision trees built in order to relate the variables of sward with animal performance. Decision tree were built for: i) live weight gain per hectare: had a Coefficient of Determination (R2) of 0.738, where herbage allowance and total herbage production were found as the main variables influencing the higher animal performance; ii) average daily gain: with R2 = 0.547 was observed that sward height was the most significant factor influencing. Thereby, depending of the goals, if it´s improve individual response or production per area, it implies in different combinations of sward management strategies. The results of this study support the potential opportunity offered by animal production in Integrated Crop-Livestock System to diversify land use while promoting greater production efficiency.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/164575
Arquivos Descrição Formato
001027282.pdf (1.623Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.