Repositório Digital

A- A A+

Inclusão escolar de alunos com deficiência mental: possíveis causas do insucesso

.

Inclusão escolar de alunos com deficiência mental: possíveis causas do insucesso

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Inclusão escolar de alunos com deficiência mental: possíveis causas do insucesso
Autor Silva, Karla Fernanda Wunder da
Orientador Dorneles, Beatriz Vargas
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Criança
Deficinete mental
Inclusão escolar
Inclusão social
Necessidades educacionais especiais
[en] Inclusive schools
[en] Mentally-challenged
[en] School inclusion
[en] Special educational needs
Resumo A presente Dissertação de Mestrado aborda o tema da Inclusão Escolar. É uma investigação que utiliza a abordagem qualitativa e elenca como problema de pesquisa as dificuldades que se apresentam na inclusão dos alunos com deficiência mental matriculados no ensino regular e que provocam o ingresso dos mesmos na Escola Especial. Partindo-se do pressuposto de que, cada vez mais alunos com necessidades especiais estão sendo matriculados em escolas regulares, procurouse através desta pesquisa refletir sobre as ações implementadas na escola regular que favorecem ou não um processo de inclusão de qualidade para os alunos com diagnósticos de deficiência mental. Esta investigação teve como sujeitos 3 alunos com deficiência mental que freqüentam, atualmente, uma escola especial, mas que vieram egressos do ensino regular de escolas intituladas inclusivas, ou seja, alunos com um percurso na escola regular. Partindo do relato da trajetória escolar desses alunos, chegou-se às escolas regulares freqüentadas por eles e, tomando como base essas informações, investigou-se os fatores que favoreceram o ingresso no sistema de educação especial. Pesquisar a questão elencada possibilitou desvendar como se deu o processo de inclusão desses alunos, bem como o que causou seu afastamento das escolas regulares, favorecendo a reflexão de novas propostas e novas ações, evitando que os mesmos procedimentos ocorram com novos alunos, desencadeando o processo de exclusão. Constatou-se que não há, por parte dos educadores, uma negação à proposta inclusiva; há, sim, um receio de não saber como agir e o que fazer para promover o desenvolvimento cognitivo desses alunos. Pode-se perceber que, mesmo as escolas ditas inclusivas, apresentam, ainda em relação aos alunos com deficiência mental, muitas lacunas em suas práticas, refletidas pela falta de formação dos professores e falta de recursos materiais para estes e para os alunos incluídos. A inclusão de alunos que apresentam deficiência mental ainda é um desafio para as escolas regulares e, como tal, sujeita a reflexões, construções e reconstruções constantes durante o processo. Fica evidenciada, aqui, a necessidade de maiores discussões, estudos, pesquisas e ações sobre o assunto tanto nas escolas especiais quanto nas escolas regulares e uma formação continuada sistemática e específica a cada situação vivida pelos professores, alunos e comunidade.
Abstract This master's degree final paper approaches the theme of school inclusion. It investigates through qualitative approach the difficulties that arise upon including mentally challenged students registered in regular schools, and that cause them to subsequently join schools for "special children". Starting with the assumption that more and more physically or mentally challenged students are being registered in regular schools, it was tried to find out what measures are taken by regular schools that encourage or discourage a quality inclusion process for students diagnosed as being mentally ill. This study took 3 mentally challenged students who currently attend a school for children with special needs, but coming from a regular "so called" inclusive school, i.e., students with some experience in regular school life. Starting from the school background of these students, it was possible to spot the regular schools they had attended. Then it was investigated the factors contributing for their admission into special education system. Studying the focused problem enabled us to find out how the inclusion process of these students took place, as well as what caused their leaving the regular schools; this, in turn, stimulated the reflection upon new proposals and new measures, preventing the same from happening again with new students, which might again trigger the exclusion process. It was concluded that teachers do not deny to participate in the inclusion proposal; in fact, there is a fear of not knowing how to act and what to do to promote the cognitive development of these students. It was also concluded that the "so called" inclusive schools present many gaps in their practices concerning mentally challenged students, shown in the lack of teacher preparation and of material resources that teachers and included students faced. Including mentally ill students is still a challenge for regular schools, and as such, it is subject to constant reflections, constructions and reconstructions along the process. It was clearly shown the need for further discussions, studies, research and measures regarding this issue both in special and regular schools, and a continuous, systematic and specific preparation for each situation experienced by teachers, students and community.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/17040
Arquivos Descrição Formato
000605703.pdf (961.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.