Repositório Digital

A- A A+

"Da floresta ao campo" : trajetórias familiares e significados da paisagem de migrantes, Rio Grande do Sul, Brasil

.

"Da floresta ao campo" : trajetórias familiares e significados da paisagem de migrantes, Rio Grande do Sul, Brasil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título "Da floresta ao campo" : trajetórias familiares e significados da paisagem de migrantes, Rio Grande do Sul, Brasil
Autor Borges, Marcelo Gules
Orientador Guerra, Teresinha
Co-orientador Torales, Marília Andrade
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Biociências. Programa de Pós-Graduação em Ecologia.
Assunto Educação ambiental
Família
Migração
Paisagem
Rio Grande do Sul
[en] Environmental education
[en] Family histories
[en] Landscape
[en] Migration
Resumo As experiências, individuais e coletivas, no lugar articulam-se formando a matriz de ancoragem para a construção dos significados da paisagem. De outro modo, representa a forma como nos relacionamos com o ambiente, expressando nossas vivências nos lugares. Neste contexto, a migração, enquanto deslocamento fisico, impõe grandes desafios de adaptação aos migrantes. Revelar os significados das paisagens possibilita compreendermos a relação destes com os lugares. Este trabalho apresenta os resultados de uma pesquisa empírica que procurou interpretar os significados da paisagem de três famílias migrantes, do norte ao sul do estado do Rio Grande do Sul, em três gerações, a fim de compreender as relações entre seus pares e o lugar. Discute‐se o método utilizado - história de vida familiar - destacando seu percurso de construção e seus potenciais enquanto método de pesquisa. Apresenta a composição das histórias de vida famíliar, evidenciando todo o percurso migratório da família, suas nuances, tramas e sentidos atribuídos aos lugares por onde passaram. Interpreta os significados da paisagem, considerando os contextos da história de vida famliar. Os resultados evidenciam que a paisagem é polissêmica, sendo constantemente resignificada pelos migrantes. Neste processo são levados em consideração o contexto ontogenético (fase da vida), ambiental e social em que a paisagem é rememorada. Desta forma, as leituras sobre a paisagem significada mostram-se vitais às praticas interventivas ambientais e educativas.
Abstract Individual and group experiences at a place articulate themselves forming the ground where the landscape meanings are both built from and attached to. In other words, this ground represents the way people relate to the environment by expressing their local life experiences. In this context, displacements carried out by migration events impose a challenge for the migrants own adaptations. By acquainting the landscape meanings, one can understand the relationships of the migrants with the places where they are. In this work I attempted to interpret the landscape meanings of three generations belonging to three different migrant families, from north to south Rio Grande do Sul State, aiming to understand the relationships between the people and their place of living. This study used the "family histories" working method, which is discussed and has its potentials as a research method highlighted in this work. The study also presents the families' history composition, showing their migration routes, nuances, and the feelings assigned to the places they passed by. Finally, this work interprets the landscape meanings taking into account families' history context. Results show a multi-sense landscape which is constantly re-worked by the migrants. Ontogeny (life phases), environment, and social contexts play a role in this process. Thus, the understanding of the landscape meanings are a vital step to the educational and environmental practices.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/17319
Arquivos Descrição Formato
000708403.pdf (1.873Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.