Repositório Digital

A- A A+

A clareira da casa-pátio

.

A clareira da casa-pátio

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A clareira da casa-pátio
Autor Silva, Enilton Braga da
Orientador Fuao, Fernando Delfino de Freitas
Data 2017
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Arquitetura. Programa de Pesquisa e Pós-Graduação em Arquitetura.
Assunto Arquitetura
Arquitetura residencial
Habitação
Patios
[en] Architectural phenomenology
[en] Clearing
[en] Courtyard house
Resumo Esta dissertação parte da indagação sobre o arquétipo residencial arquitetônico da casa-pátio, que se configura como um vazio na habitação, um espaço confinado, protegido e oculto. Este pátio interno, fechado, com suas sutis mas ricas características, conferem a ele uma ambiência única, com uma peculiar atmosfera. Essa indagação originou-se a partir da vivência do autor, como estagiário de arquitetura, em uma casa na cidade de Porto Alegre, construída na década de 1970, de autoria do arquiteto Elyseu Victor Mascarello (1935- 2008), formado em 1958, na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, onde foi aluno do primeiro corpo docente da instituição. A investigação consolida a busca do autor pela compreensão sobre o que estava em jogo na clareira da residência, quem eram os atuantes, e se haveria uma forma de mimetizar aquela condição em novos projetos ou outras situações. A identificação do pátio interno como uma clareira na casa e sua aproximação metafórica com o conceito heideggeriano da clareira do ser (Lichtung) conduz a pesquisa à investigação sobre a fenomenologia de acordo com a visão de Heidegger, relacionando a clareira filosófica, existencial, à clareira física, doméstica. Nestas condições, a clareira da casa-pátio Mascarello torna-se o cerne central da pesquisa, na busca pelas nuances presentes que a configuram, que a potencializam. A clareira de Heidegger é definida e aproximada à casa sagrada, existencial. No âmbito doméstico, outros exemplos de tipologias de clareiras em casas-pátio são desvelados, analisando-se suas potencialidades de clareiras. Este trabalho busca, portanto, trazer uma nova luz à casa com pátio interno, sob a égide da ancestralidade conceitual da casa, analisando o microcosmos criado, a presença da natureza e do cosmos em diferentes tipologias de casas-pátio.
Abstract This dissertation arose out of the inquiry concerning to the architectonic residential archetype of the courtyard house, which is configured by an empty area in the habitation, a confined, protected and occult space. This enclosed inner courtyard, with its subtle yet rich features, gives it a unique ambience with a peculiar atmosphere. This investigation was originated from the author’s experience, as an architectural intern, in a house located in Porto Alegre, built in the 1970s, by the architect Elyseu Victor Mascarello (1935-2008). Mascarello graduated in 1958, from the Federal University of Rio Grande do Sul, where he had been a student of the first academic teachers of the institution. The investigation consolidates the author's search for an understanding of what was at stake in the clearing of the residence, what were the active elements, and whether there would be a way of miming that condition into new projects or into other situations. The identification of the internal courtyard as a clearing in the house and its metaphorical relation, with the Heideggerian concept of the clearing of being (Lichtung), leads the research to the investigation of phenomenology, according to Heidegger's view, relating the existential philosophical clearing to the physical domestic clearing. Under these conditions, the clearing of Mascarello’s courtyard house becomes the central focus of the research, aiming to find the existing nuances, which configures and enhances the clearing. Heidegger's clearing is defined and related to the sacred, existential house. Within the domestic scope, other examples of clearing typologies in courtyard houses are unveiled, analyzing their potential for clearings. This work thus aims to shed a new light on the house with internal courtyard, under the aegis of the conceptual ancestry of the house, analyzing the created microcosm, the presence of nature and of the cosmos in different courtyard house typologies.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/173776
Arquivos Descrição Formato
001062138.pdf (32.63Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.