Repositório Digital

A- A A+

O treinamento técnico-desportivo : um estudo descritivo-exploratório com tenistas adultos federados

.

O treinamento técnico-desportivo : um estudo descritivo-exploratório com tenistas adultos federados

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O treinamento técnico-desportivo : um estudo descritivo-exploratório com tenistas adultos federados
Autor Motta, Marcelo Meirelles da
Orientador Balbinotti, Carlos Adelar Abaide
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano.
Assunto Atletas
Tênis (Esporte)
Treinamento esportivo
[en] Adults tennis players
[en] Technical training
Resumo A produção científica referente ao treinamento técnico de tenistas adultos não tem sido realizada na mesma proporção em que cresce a dedicação destes sujeitos pela modalidade. O presente trabalho tem por objetivo central descrever e explorar a freqüência de execução dos Golpes de Preparação (GP) e dos Golpes de Definição (GD) durante o treinamento técnico-desportivo de tenistas adultos federados em três categorias da mesma faixa etária: "Livre; Maiores A; e Maiores B". Mais especificamente, o estudo procura verificar se há diferenças estatisticamente significativas na freqüência de execução de GP e GD segundo as variáveis controladas: Categorias (Livre, Maiores A e Maiores B) e Ranking (Posição entre 10 e 150 (R1) e 160 e 330 (R2) oferecendo à comunidade tenística informações sobre os treinos dos tenistas com maior destaque desta amostra. Para tanto, aplicou-se o Inventário do Treino Técnico-desportivo do Tenista (ITTT-12; Balbinotti, 2003). O ITTT-12 é respondido numa escala do tipo Likert de cinco pontos (1 - pouquíssima freqüência a 5 - muitíssima freqüência) para verificar, em valores nominais, a dimensão com maior freqüência de prática pelos tenistas. O ITTT-12 foi aplicado em 99 tenistas do sexo masculino. Todos os tenistas participam das competições promovidas pela Federação Gaúcha de Tênis. Constatou-se que a dimensão praticada com maior freqüência foi os GP. Avaliando as freqüências de treino técnico dos tenistas com as variáveis controladas, percebe-se que os GP são mais praticados em todas as análises, com a exceção da comparação dos tenistas R1 e R2 da categoria "Maiores B". Os tenistas R2 desta categoria revelaram praticar com maior freqüência os GD. Os resultados deste estudo sugerem a importância da prática dos GP na busca pela evolução técnica dos tenistas participantes das referidas categorias. Recomendamos que novos estudos com tenistas de outras categorias sejam realizados para aprofundar os conhecimentos sobre o treinamento técnico nesta modalidade.
Abstract Researches about technical practice of adult tennis players have not been performed in the same proportion that increases their dedication to this sport modality. The present thesis has as central aim to describe and explore the frequency of Preparation Strokes (PS) and Definition Strokes (DS) execution, during the technical training of adult tennis players, associated to the related sport federation into three categories embracing the same age group: "Free , Adults A and Adults B". More specifically, the study looked forward to verify potential significant statistical differences in the execution frequency of PS and DS, according controlled variables: Categories (Free, Adults A and Adults B) and Ranking (Ranked 1º to 15º - R1 ; Ranked 16º to 33º - R2 ) offering to the tennis community information regarding practices of the higher level tennis players, out of this universe. In order to do that, the "Inventário do Treino Técnico-desportivo do Tenista (ITTT-12; Balbinotti, 2003)", was applied. The ITTT-12 is a test that rates the answers in a Likert scale form of 5 points (1 - hardly frequent to 5 - highest frequent) verifying in nominal values, the dimension most practiced by the tennis players. The ITTT-12 surveyed a sample of 99 adult male tennis players. All participants compete in events promoted by the Gaucha Tennis Federation (Rio Grande do Sul State Tennis Federation, Brazil). The research appointed that the most frequent practiced dimension was the PS. Evaluating the frequency of player's practice training with controlled variables, it is perceived that PS, in all analysis, are most practiced, except when comparing tennis players R1 and R2 , of "Adults B" category. R2 tennis players of this category performed most frequently DS. The results of this study suggest the importance of PS practice on searching higher technical level for the participants of these categories. We recommend that additional studies are directed with participants of other categories in order to deep the knowledge about tennis technical training.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/17402
Arquivos Descrição Formato
000716615.pdf (417.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.