Repositório Digital

A- A A+

Economia de guerra, batalha da produção e soldados-operários : o impacto da segunda guerra mundial na vida dos trabalhadores de Porto Alegre (1942-1945)

.

Economia de guerra, batalha da produção e soldados-operários : o impacto da segunda guerra mundial na vida dos trabalhadores de Porto Alegre (1942-1945)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Economia de guerra, batalha da produção e soldados-operários : o impacto da segunda guerra mundial na vida dos trabalhadores de Porto Alegre (1942-1945)
Autor Pureza, Fernando Cauduro
Orientador Petersen, Sílvia Regina Ferraz
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Historia.
Assunto Economia de guerra
Porto Alegre (RS)
Segunda guerra mundial : 1939-1945
Trabalhadores
Resumo A seguinte dissertação tem como indagação central as transformações ocorridas nas experiências dos trabalhadores de Porto Alegre durante a Segunda Guerra Mundial, centrando-se especificamente nas transformações da legislação do trabalho e no problema da alimentação do operariado urbano. Visando compreender as relações do proletariado porto-alegrense com Estado e burguesia como parte de uma complexa condição de estruturas e agentes, a pesquisa procura debater o período que vai de 1942 a 1945 como uma conjuntura específica onde repressão, direitos, propaganda, vigilância e disciplina fazem parte de uma demanda do regime do Estado Novo para ingressar no conflito mundial. Contudo, percebendo o operariado além das pretensões da ideologia trabalhista e dos anseios do empresariado, esse trabalho pretende demonstrar as nuances e contradições que encerram o período ditatorial e que abrem caminho para o período democrático brasileiro.
Abstract The following dissertation has its focus on the changes that occurred in the Porto Alegre working class experiences during the Second World War, centering it especifically of the transformations in the labor laws and in the problem of the alimentation of the urban workers. Trying to comprehend the relations that the proletariat establishes with State and bourgeoisie as part of a complex condition of structures and agents, this research seeks to debate the period that goes to 1942 to 1945 as a specific conjuncture where repression, rights, propaganda, vigilance and discipline make are all together in a demand of Estado Novo regime to enter in the World War. Nevertheless, perceiving the working class beyond the trabalhista ideology pretensions and the craving of the bourgeoisie, this paper intends to demonstrate the nuances and contradictions that close the dictatorial period and open the way to the democratic period in Brazil.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/17836
Arquivos Descrição Formato
000724828.pdf (1.909Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.