Repositório Digital

A- A A+

Zoneamento geoambiental no oeste do Rio Grande do Sul : um estudo em bacias hidrográficas

.

Zoneamento geoambiental no oeste do Rio Grande do Sul : um estudo em bacias hidrográficas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Zoneamento geoambiental no oeste do Rio Grande do Sul : um estudo em bacias hidrográficas
Outro título Geoenvironmental zoning in the west of Rio Grande do Sul: a study on hydrographic basins
Autor Nardin, Dionara de
Orientador Robaina, Luis Eduardo de Souza
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Geociências. Programa de Pós-Graduação em Geografia.
Assunto Arenização
Geografia ambiental
Geografia física
[en] Arenização
[en] Geoenvironmental zoning
[en] Geomorphology
[en] Hydrographic basin
[en] Landscape
[en] Uses of the land
Resumo A presente dissertação tem como tema o zoneamento geoambiental de bacias hidrográficas afluentes do Rio Ibicuí, no sudoeste do Estado do Rio Grande do Sul, que sofreram intensas transformações, sobretudo, a partir das últimas décadas com a intensificação dos processos erosivos e a incorporação de espécies exóticas nas áreas com processo de arenização. De forma a contemplar a temática proposta, o principal objetivo do trabalho é desenvolver um zoneamento geoambiental, que permita avaliar e diagnosticar as potencialidades e fragilidades da paisagem frente aos elementos geomorfológicos e aos usos da terra. A metodologia empregada inclui mapeamentos temáticos com o auxílio de SIGs (Sistemas de Informação Geográfica), trabalho de campo e laboratório que servem de base para o zoneamento geoambiental. Essas bases refletem uma condição climática, geomorfológica e de uso e ocupação, favoráveis ao desencadeamento de processos erosivos intensos, sendo que o substrato litológico mais suscetível para o desenvolvimento das manchas de areia e voçorocas na área de estudo são os arenitos de origem fluvial da Formação Guará. As características das bacias demonstram um padrão de drenagem retangular, revelado por controles estruturais preferenciais na direção NE e NW, e E-W que ocasiona contatos retos e mudanças abruptas dos cursos. Os dados levantados indicam, ainda, que o zoneamento geoambiental comporta uma hierarquia de seis sistemas e nove unidades com características potenciais e limitantes para cada compartimento da paisagem. As zonas de maior fragilidade ocorrem no Sistema Sanga da Areia, e são indicadas pelas unidades formadas por colinas arenosas onde se desenvolvem com frequência areais e voçorocas. É neste sistema que estão sendo identificados os primeiros plantios de espécies arbóreas exóticas, realizados por empresas de madeira e celulose. Verificou-se ainda, intensa transformação imposta pelas atividades antrópicas, sobretudo com as lavouras de arroz nas várzeas, o que alterou as drenagens e os solos e degradou a vegetação, trazendo sérias limitações para o Sistema Manoel Viana e Sistema Ibicuí. Entre as unidades com potencialidades destaca-se a contribuição da vegetação, onde se sugere, de imediato, devido às pressões das monoculturas, a preservação da unidade butiáanão, espécie endêmica do Bioma Pampa.
Abstract The following dissertation has as a theme the geoenvironmental zoning of hydrographic basin aflluents of the Ibicuí River, in the southwest of Rio Grande do Sul state, that have suffered intense transformations, above all, from the last decades with the intensification of the erosive processes and the incorporation of exotic species in the areas with process of arenização. Aiming to contemplate the given thematic, the paper's main objective is to develop a geoenvironmental zoning, that allows evaluation and diagnosis of the potentialities and fragilities of the landscape face to the geomorphology elements and the uses of the land. The methodology used includes thematic mappings with the aid of SIGs (Geographic Information Systems), field and laboratory works that serve as basis for the geoenvironmental zoning. These basis reflect a climatic, geomorphologic, usage and occupation condition, favorable to the unleash of intense erosive processes, considering that the lithified substrate more susceptible for the development of the sand stains and gully erosion in the area of study are the sandstones of fluvial origin from the Guará Formation. The characteristics of the basins demonstrate a rectangular pattern of drainage, revealed by preferential structural controls in the direction NE and NW, and E-W that gives rise to straight contacts and abrupt changes of the courses. The data collected indicates yet that the geoenvironmental zoning supports a hierarchy of six systems and nine units with potential and limiting characteristics for each compartment of the landscape. The zones of higher fragility occur in the Sanga da Areia System, and are indicated by the units formed by sandy hills where sand flats and gully erosion are frequently developed. It is in this system that the first plantings of exotic arboreal species are being identified, made by the companies of wood and cellulose. It was also verified intense transformation imposed by anthropic activities, especially with the planted grounds of rice in the dales, which altered the drainages and the soils, and degraded the vegetation, bringing serious limitations for the Manoel Viana and Ibicuí Systems. Among the areas with potentialities stands out the contribution of the vegetation, where it is immediately suggested, due to the pressure of monocultures, the preservation of the butiá-anão unity, endemic species of the Pampa Biome.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/17897
Arquivos Descrição Formato
000725841.pdf (26.95Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.